Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Desporto / Pako Ayestarán quer Tondela “assertivo no último terço” frente ao Famalicão
treinador do Tondela - Pako Ayestaran

Pako Ayestarán quer Tondela “assertivo no último terço” frente ao Famalicão

O treinador do Tondela, Pako Ayestarán, assumiu, esta sexta-feira, querer a equipa “mais assertiva no último terço” do campo, frente ao Famalicão, em jogo da 24.ª jornada da Liga Bwin.

“Se formos capazes de fazer um jogo equilibrado, como contra o [Sporting de] Braga, tanto no ataque como na defesa e, quem sabe, estarmos mais assertivos no último terço, creio que já é uma boa resposta da equipa”, defendeu Pako Ayestarán.

Isso e, continuou, “não repetir os pequenos erros cometidos” na última jornada e “estar mais assertivo no último terço”, reforçou o técnico espanhol na conferência de imprensa de antevisão ao jogo no Estádio Municipal de Famalicão.

Pako Ayestarán reconheceu que a sua equipa se preparou “com muito trabalho, muita responsabilidade e a acreditar” que é “capaz de fazer o que tem sido feito” nos últimos jogos e, se assim for, “os resultados têm de chegar”.

Em relação ao adversário, que em casa do Tondela perdeu por 3-2 na primeira volta do campeonato, o técnico “beirão” considerou que agora “está no momento doce da época” e que “este é o melhor Famalicão da época”, lembrando que nos últimos jogos marcou seis golos e não sofreu nenhum.

“Trabalho, responsabilidade, intensidade e acreditar que somos capazes e a partir daí, no dia do jogo, é tratar que o rendimento seja o que esperamos de cada um de nós e, primeiro, temos de nos concentrar em cada um de nós”, afirmou.

Aos adeptos disse que “há que acreditar, porque a equipa está a demonstrar que está viva, está a competir em todos os jogos e isso é o que todos os adeptos perseguem” e, por isso, desafiou-os a irem ao estádio e que “vejam onze jogadores que trabalham para conseguir resultados e isso está a acontecer”.

Com o jogo das meias-finais para a Taça de Portugal agendado próxima a quinta-feira – receção ao Mafra -, o técnico disse que “a concentração máxima é o Famalicão” e recusa-se a escolher as provas.

“Não abdicamos de nada. Eu quero os três pontos neste jogo e logo quero ganhar o seguinte, como todos os treinadores, adeptos e jogadores”, disse o técnico que conduziu o Tondela, pela primeira vez, às meias-finais da “prova rainha”.

O Tondela, 16.º classificado, com 20 pontos, vai ao estádio do Famalicão, 12.º, com 23, no sábado, a partir das 15h30, num encontro a contar para a 24.ª jornada da Liga Bwin, arbitrado por Hélder Malheiro, da Associação de Futebol de Lisboa.

 

Pode ver também

Académico de Viseu de luto pela morte do presidente, António Albino

António Albino, empresário viseense e que durante mais de uma década foi presidente do Académico de …

Comente este artigo