Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / PCP contra o fim da mobilidade de enfermeiros em Viseu questiona Governo

PCP contra o fim da mobilidade de enfermeiros em Viseu questiona Governo

A prestação de cuidados de saúde de proximidade por parte do Serviço Nacional de Saúde é para o PCP de Viseu fundamental. Como tal, os cuidados de saúde dispensados no domicílio são imprescindíveis.

Filomena Pires, do partido, lamenta que a decisão agora conhecida do Centro Hospitalar Tondela Viseu e do Agrupamento de Centros de Saúde Dão Lafões venha a colocar em causa tal prestação, ao decidirem pôr fim à mobilidade de cinco enfermeiras que estavam “por cedência de interesse público” a exercer funções na Unidade de Cuidados na Comunidade de Viseu.

A decisão para o partido vem interromper uma prática importante para os utentes que dela beneficiavam como para o próprio Agrupamento de Centros de Saúde.

Filomena Pires diz que a preocupação é ainda maior quando se trata de uma região inserida no interior do país.

Esta cessação da mobilidade de enfermeiros para o PCP vem condicionar a prestação de um bom serviço prestado.

O PCP questiona assim o Ministro da Saúde se reconhece que esta decisão do Centro Hospitalar Tondela Viseu vai agravar a prestação de cuidados de saúde de proximidade e os cuidados domiciliários e, se sim, que medidas vão ser tomadas para que não ocorra o fim de cedência de interesse público dos cinco enfermeiros do Centro Hospitalar Tondela Viseu para a Unidade de Cuidados na Comunidade.

O partido pergunta ainda se o Governo tem levado em conta a urgência de contratação dos profissionais de enfermagem em falta no Hospital de Viseu.

 

Pode ver também

Homem morreu em acidente com trator

Um homem de 55 anos morreu hoje num acidente com um trator agrícola no concelho …

Comente este artigo