Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Viseu inicia agenda cultural dedicada à poesia com música e arte urbana

Viseu inicia agenda cultural dedicada à poesia com música e arte urbana

Viseu recebe este fim de semana iniciativas musicais e de arte urbana ligadas ao programa cultural “Dizer Poesia”, que está previsto para maio, mas que começa já a “ganhar forma” na agenda cultural do município.

No fim de semana, “o ‘Dizer Poesia’ dá-se a conhecer com algumas ações e apresentações que promovem a interação entre a arte e a comunidade, antevendo assim aquele que será o concretizar do evento principal, de 27 a 29 de maio”.

Este “levantar da cortina” do programa literário é “um assinalar simbólico daqueles que são dois dias marcantes: o Dia Mundial da Poesia e o Dia Mundial da Árvore, assinalados a 21 de março”.

A vereadora da Cultura, Turismo e Património, Leonor Barata, salienta que, “para já, todos são convidados a beber inspiração nas breves notas poéticas, uma espécie de prefácio do grande poema que está para vir”, em maio, altura em que inicia uma “programação consistente” de verão.

O município de Viseu está motivado em alavancar novos projetos e iniciativas culturais e é isso que nos leva à apresentação do ‘Dizer Poesia’”, sublinhou Leonor Barata.

Para já, na sexta-feira, o Solar do Vinho do Dão recebe “uma apresentação única, que alia a música clássica e a poesia (declamada)”, com o Conservatório Regional de Música de Viseu Dr. José de Azeredo Perdigão e o Grupo ArDemente.

A “Brigada Poética”, que nasceu para este evento, “sairá à rua, pela primeira vez, durante as tardes do fim de semana”, com uma “proposta de intervenção artística em espaço público”, resultante de uma parceria com a Escola Superior de Educação de Viseu.

A vereadora da Cultura, Turismo e Património do município de Viseu, diz que, “ gostava de ver envolvidas as diversas instituições da cidade e artistas que já aliaram a literatura à poesia e palavra dita”

A designer e ilustradora Rosário Pinheiro e a artista plástica e ilustradora Inês Flor serão responsáveis pela concretização “de um projeto de arte urbana, especialmente desenhado para o evento”, com “pequenas frases ou excertos de poemas e textos” de diversos autores.

Aquilino Ribeiro, Judith Teixeira, Ana de Castro Osório, Tomás Ribeiro e Camilo Castelo Branco são alguns dos autores que terão as suas palavras “pintadas em muros, caixas de eletricidade, escadas/escadarias, arcos, pavimento, paredes ou bancos de jardim”.

Tilhon, Mara Pedro e Domini são o trio que protagoniza um breve concerto acústico (15:30, de sábado, no Rossio), “onde o rap e o fado, também eles formas de expressão, de construção linguística e de poesia, em diferentes contextos, são exaltados e celebrados, quer em concerto como numa conversa entre os artistas”.

No mesmo dia, “o Jardim das Mães terá uma árvore/recanto especial, abrigo de poemas escritos em papel, os quais poderão ser retirados e lidos pelos amantes da poesia” de forma a “celebrar os exemplares arbóreos como elementos primordiais de Viseu”, para assinalar o Dia Mundial da Árvore.

“Saramago também é poesia” é outra das iniciativas programadas para o sábado, pelas 16:00, na Biblioteca Municipal D. Miguel da Silva, e será protagonizada pelo Grupo OFF/AFTA.

Os autores, poemas e textos associados ao ‘Dizer Poesia’, nomeadamente à ‘Brigada Poética’, às intervenções de arte urbana e ao projeto no Jardim das Mães foram eleitos tendo por base a ligação destes com a cidade-região.

 

Pode ver também

Autarquia de Santa Comba Dão atribui mais de 120 mil euros a associações

A Câmara de Santa Comba Dão vai apoiar este ano vinte associações com expressão concelhia …

Comente este artigo