Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Ucrânia: Famílias de Viseu já acolheram 159 refugiados

Ucrânia: Famílias de Viseu já acolheram 159 refugiados

Famílias do concelho de Viseu já alojaram 159 cidadãos ucranianos e a autarquia ofereceu ajuda à “cidade irmã” de Lublin (Polónia) para acolher mais pessoas que fugiram da guerra da Ucrânia, anunciou o presidente do município, Fernando Ruas.

Em declarações aos jornalistas no final da reunião de Câmara, Fernando Ruas contou que Viseu recebeu até hoje “159 refugiados, que foram todos alojados com famílias particulares”, e que há onze crianças a frequentar as escolas.

O autarca lembrou que Viseu é geminada com Lublin, a maior cidade do leste da Polónia, que tem sido dos principais destinos das famílias que fogem da Ucrânia.

“Escrevi ao presidente da Câmara a dizer-lhe que nós estávamos disponíveis, aproveitando até o chapéu da geminação, para receber refugiados. Estou à espera da resposta, porque eu preferia esse tipo de atuação”, justificou.

Fernando Ruas garantiu que a Câmara de Viseu tem “tudo pronto” para receber refugiados.

“Temos ainda a possibilidade, sem recurso aos privados, de alojar muita gente. Tenho no meu gabinete um conjunto de antigas escolas primárias que estão livres e que, se for necessário, adaptaremos rapidamente para receber famílias”, sublinhou.

No âmbito da ação de ajuda humanitária dinamizada pelo município, o Instituto Politécnico de Viseu, a Associação Viriatos 14 e a Associação dos Ucranianos de Viseu, com o apoio dos bombeiros voluntários e do Regimento de Infantaria 14, já foram enviadas cerca de 200 toneladas de bens.

 

Pode ver também

Câmara de Sátão promove combate à Vespa das Galhas do Castanheiro

O município de Sátão realizou 6 largadas do parasitoide Torymus sinensis, para combate à Vespa …

Comente este artigo