Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Transporte público na região de Viseu com 20% de desconto a partir desta quarta-feira

Transporte público na região de Viseu com 20% de desconto a partir desta quarta-feira

A partir desta quarta-feira, 01 de maio, entra em vigor o desconto de 20% na compra dos passes e 25% na compra de bilhetes diretos, dentro do que foi definido no programa do Governo, e abrange as quatro operadoras que fazem o transporte na região”, disse Rogério Abrantes.

O presidente da CIM falava à agência Lusa na sequência da reunião da assembleia intermunicipal, que se realizou na segunda-feira à noite, em Vouzela, onde foi divulgada a data da entrada em vigor desta medida, que “é suportada na ordem dos 5% pelos municípios e o restante pelo Governo”.

“Explicámos a toda a assembleia todo o trabalho que houve ao longo do tempo para que as coisas avançassem, sendo que a parte mais difícil foi chegar a acordo com as quatro operadoras, porque inicialmente só duas é que chegaram a acordo, mas agora vão avançar todas com o desconto”, explicou.

Na assembleia intermunicipal da CIM Viseu Dão Lafões foram também a votos as contas de 2018, que “foram aprovadas por maioria, uma vez que os representantes de Viseu votaram contra, à semelhança do que já tinham feito no conselho intermunicipal”, no dia 10 de dezembro de 2018.

Em cima da mesa estiveram outros temas, “que há muito tempo, infelizmente, são alvo de discussão nestas assembleias”, explicou o presidente, como as obras no IP3, as obras nas urgências do hospital de Viseu e a construção do centro oncológico em Viseu.

“Temas que, para já, vamos ver como evoluem, porque temos a indicação que vai arrancar as obras entre Penacova e a Lagoa Azul. Quanto ao hospital, já temos a promessa de arrancar rapidamente a obra do centro oncológico, o projeto vai entrar até meio de maio, portanto, agora vamos estar atentos para ver como evoluem estes projetos”, acrescentou.

 

Pode ver também

Adiado julgamento do autarca de Tondela, acusado dos crimes de peculato e falsificação de documento

O julgamento do presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus, que estava marcado para …

Comente este artigo