Home / Notícias / Trânsito na EN229 condicionado entre Viseu e Sátão a partir de quinta-feira

Trânsito na EN229 condicionado entre Viseu e Sátão a partir de quinta-feira

O trânsito na Estrada Nacional (EN) 229 ficará condicionado entre Viseu e Sátão, a partir de quinta-feira e durante cerca de um mês, devido a obras de requalificação, avisou hoje a Infraestruturas de Portugal (IP).

Em comunicado, a IP explicou que o condicionamento de trânsito será necessário no âmbito da empreitada para eliminação de constrangimentos em zonas industriais, “para a realização de trabalhos de terraplenagem e nos órgãos de drenagem”.

“A partir do próximo dia 11 de maio e durante um período estimado de um mês será implementada circulação alternada, com recurso a sinalização semafórica, entre os quilómetros 62 e 62,600”, informou.

A intervenção integra a melhoria do traçado e o alargamento da plataforma rodoviária no troço da EN229, com cerca de 9,6 quilómetros de extensão, de ligação entre a variante ao Sátão e a rotunda de acesso ao Parque Industrial do Mundão (Viseu).

Segundo a IP, “a requalificação deste troço da EN229, associada à construção da futura ligação do ex-IP [Itinerário Principal] 5 ao Parque Industrial do Mundão, constituirão uma relevante melhoria nas condições de segurança e das acessibilidades, não só diretamente para as populações e empresas dos concelhos de Sátão e Viseu, mas também no reforço da competitividade e mobilidade desta região do interior centro do país”.

Este projeto, que envolve um investimento de 3,4 milhões de euros, é desenvolvido no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência, na vertente das Áreas de Acolhimento Empresarial – Acessibilidades Rodoviárias, financiado pela União Europeia.

A empreitada, que era reivindicada por autarcas e população há muitos anos, foi consignada a 14 de fevereiro e tem um prazo de execução de 360 dias.

Nesse dia, o presidente da IP, Miguel Cruz, explicou que o troço de 9,6 quilómetros começa na intersecção com a Estrada Municipal 583 (final da variante a Sátão) e termina na rotunda do Parque Empresarial do Mundão, em Viseu.

O projeto prevê a construção de três trechos de alargamento da plataforma rodoviária, a reformulação geométrica das ligações existentes ao longo do traçado e a construção de uma rotunda no local do atual entroncamento que dá acesso ao centro de Cavernães.

Segundo Miguel Cruz, serão criadas vias adicionais para veículos de marcha lenta, de forma a aliviar os constrangimentos sentidos atualmente.

 

Pode ver também

Em Penalva do Castelo bebé faleceu em creche da Santa Casa da Misericórdia 

Esta segunda-feira, 15 de abril, uma menina de três meses faleceu em Penalva do Castelo, …

Comente este artigo