Home / Notícias / São João da Pesqueira aprova orçamento de 16 ME para 2022

São João da Pesqueira aprova orçamento de 16 ME para 2022

A Assembleia Municipal de São João da Pesqueira aprovou o orçamento para 2022, no valor de quase 16 milhões de euros (ME), com os maiores investimentos a incidirem no turismo e nos transportes rodoviários, revela a autarquia.

O executivo municipal de São João da Pesqueira é liderado por Manuel Cordeiro, do Movimento Juntos Pela Nossa Terra (PNT), com três eleitos, e conta ainda com dois vereadores na oposição da coligação PSD/CDS-PP.

As cinco principais áreas que o orçamento abrange são turismo (cerca de um milhão e 384 mil), transportes rodoviários (mais de 1,5 milhões de euros), ordenamento do território (932 mil euros), educação (perto de 720 mil euros), cultura (cerca de 683 mil euros) e agricultura (quase 581 mil euros), especifica o documento.

Entre os “grandes investimentos” previstos para o município está “a requalificação da Estrada Nacional 222-3, entre São João da Pesqueira e Ferradosa”, num total de um milhão de euros” e a expansão da zona empresarial da sede do concelho, envolvendo um montante na ordem dos 864 mil euros.

Também a requalificação de espaços públicos (830 mil euros), a continuação da requalificação da zona envolvente às Bateiras (615 mil euros) e o polo de atratividade no Douro Vinhateiro, em Ferradosa, (cerca de 525 mil euros), integram os principais investimentos do executivo municipal.

Segundo a Câmara, o orçamento para 2022 foi elaborado “no pressuposto de que se poderá trabalhar com “normalidade”, apesar da atual incerteza da pandemia de covid-19”, que “teve impacto nas receitas de alguns impostos” municipais. 

“O IMT [Imposto Municipal sobre Transmissões Onerosas de Imóveis] e a Derrama diminuíram nos anos anteriores e, portanto, face à obrigação de inscrição da média das cobranças nos 24 messes anteriores, prevê-se uma quebra de 13%, bem como na Derrama de 20%”, refere o documento. 

O documento refere que a autarquia está “preparada para apoiar as famílias e empresas caso seja necessário, à semelhança do que ocorreu até agora” no concelho, devido à pandemia de covid-19.  

“Vamos ter, ainda, em 2022, uma diminuição das transferências do Orçamento de Estado” – fundos de Equilíbrio Financeiro (FEF)e Social Municipal (FSM) – de 620 mil euros, o que perfaz uma diminuição de 7,84%, pormenoriza.

“A nossa visão para os próximos exercícios económicos, reflete a continuidade da nossa aposta na organização e melhoria dos serviços e no aumento da sua eficácia e eficiência e o investimento em áreas fundamentais para o desenvolvimento socioeconómico do concelho”, assume o documento.

Entre as áreas fundamentais, o executivo destaca “o turismo, a agricultura, a educação, a saúde, entre outras, sem descurar o apoio às várias entidades, desde freguesias, associações, IPSS [instituições particulares de solidariedade social] e paróquias”.

O orçamento municipal de São João da Pesqueira para 2022 é superior ao de 2021 em cerca de 130 mil euros

 

Pode ver também

Vários concelhos do distrito de Viseu em risco muito elevado de incêndio devido ao calor

Para esta quinta-feira, 18 de julho, o IPMA (Instituto Português do Mar e Atmosfera) prevê …

Comente este artigo