Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Feiras medievais regressam ao distrito de Viseu

Feiras medievais regressam ao distrito de Viseu

As ruas e ruelas de Lamego, Penedono e Canas de Senhorim vão voltar a ser palco de uma viagem ao passado e vão acolher artesãos que expõem e vendem mercadorias medievais, à semelhança do que acontecia antes da pandemia de covid-19.

As Câmaras de Lamego e de Penedono já anunciaram as datas das feiras medievais deste ano: de 10 a 12 de junho e de 01 a 03 de julho, respetivamente. Em Canas de Senhorim, a Junta de Freguesia prevê que a feira se realize no primeiro fim de semana de outubro.

Em Lamego, segundo a autarquia, após dois anos de pandemia de covid-19, a feira medieval “vai voltar a reunir dezenas de artesãos que recriarão o comércio e as artes da época medieval”, na Praça do Comércio e zona envolvente.

“A nobreza, os mestres de ofício e os servos também estão de volta para recriar a história dos tempos de D. Afonso Henriques e as Cortes de Lamego”, avançou.

A feira contará ainda com o mercado medieval, que oferecerá várias opções gastronómicas, e com música e jogos de destreza.

Contactada pela agência Lusa, fonte da autarquia disse que “o certame vai ser realizado nos mesmos moldes anteriores” à pandemia.

“Vai ter uma componente de animação de rua muito forte, com malabaristas, arruadas musicais, cortejos, torneios de armas e ofícios tradicionais”, acrescentou.

Em 2021, devido à covid-19, a feira medieval realizou-se em moldes diferentes, com a reconstituição histórica de “As cortes de Lamego”, apenas em forma de espetáculo.

A Câmara de Penedono também já anunciou a abertura das inscrições de participação como “feirantes, taberneiros, artesãos ou mercadores” na edição deste ano, que se realizará nos dias 01, 02 e 03 de julho.

De acordo com a autarquia, “podem participar no certame artesãos e mercadores individuais, em representação de municípios, associações de artesãos ou freguesias”.

Podem igualmente estar presentes “as pessoas coletivas que se comprometam a apresentar artesanato ou produtos genuínos enquadrados no período medieval, em especial as que recriem as vivências do século XIV”, acrescentou.

A feira medieval vai realizar-se na envolvência do castelo, na Avenida Adriano de Almeida, no Largo da Devesa, nos edifícios dos Paços do Concelho e na Liça.

Em Canas de Senhorim, no concelho de Nelas, a intenção é “retomar a realização da feira medieval, no primeiro fim de semana de outubro, se a pandemia o permitir”, disse à Lusa o presidente da Junta de Freguesia, Nuno Pereira.

“São os 30 anos da feira”, salientou Nuno Pereira, lembrando que, no ano passado, “apenas houve cavaleiros e arruadas de bombos para marcar a data”.

Este ano, a viagem medieval permitirá que os visitantes da zona histórica de Canas de Senhorim encontrem os artigos da época, que vão desde o artesanato, às tradicionais bebidas e comidas.

 

Pode ver também

Académico de Viseu de luto pela morte do presidente, António Albino

António Albino, empresário viseense e que durante mais de uma década foi presidente do Académico de …

Comente este artigo