Home / Notícias / Dão Primores de regresso a Viseu com excelentes vinhos e conferência internacional sobre rótulos

Dão Primores de regresso a Viseu com excelentes vinhos e conferência internacional sobre rótulos

 O presidente da Comissão Vitivinícola Regional (CVR) do Dão disse hoje à agência Lusa que a edição deste ano da Dão Primores, em Viseu, conta com “excelentes” vinhos e que em destaque na conferência internacional vão estar os rótulos das garrafas.

“No setor consideramos um contrassenso colocar rótulos no vinho como acontece nos cigarros, ou seja, a dizer que ‘o álcool mata’, mas, tendo em conta a discussão que está a acontecer na Europa, também nós vamos falar disso”, assumiu Arlindo Cunha.

O presidente da CVR Dão disse à agência Lusa que “há grupos ativistas fundamentalistas em alguns países da Europa” que “defendem que se deve colocar nos rótulos mensagens de que o álcool mata”.

“E dentro da comissão europeia há uns setores que, aparentemente, tendem a alinhar com isso, o que é uma tontaria, porque o vinho é um produto natural e, como todas as coisas, as pessoas têm de saber o que podem e não podem beber”, defendeu.

Arlindo Cunha lembrou que Portugal tem um programa que alerta para os perigos do excesso de consumo de álcool, como é o caso do ‘beba com moderação’, e que “não justifica este alarmismo”.

“Parece que as pessoas se esquecem que o vinho não é álcool destilado, é um produto natural. Cientificamente, é defendido como um produto que, bebendo com moderação, faz bem à saúde, dependendo dos casos, mas isso é como tudo”, apontou.

Para o debate deste ano do Dão Primores, na sexta-feira, no Instituto Politécnico de Viseu, estão confirmados nomes nacionais e internacionais ligados ao setor, desde enólogos e investigadores, a responsáveis por projetos portugueses e estrangeiros.

Esta “dimensão técnico-científica” do Dão Primores conta com oradores como Diana Snowden Seysses, Marta Juega Rivera, Sofia Vaz, Jacques Gautier, Nelson Machado, Simon Stannard, Ana Isabel Alves e Anabela Alves.

E ainda Paulo Amorim, Ana Rodrigues, Cátia Pinto, Raúl Morais, Edoardo Erlini, Rogério Nogueira, José João Santos, João Pedro Reis, Luís Sequeira, Vítor Castanheira, Pablo Naumann, Victoria González e Bernardo Gouvêa.

No sábado, o Solar do Vinho do Dão acolhe “muita animação com provas de vinhos livres e comentadas com gastronomia tradicional da região para qualquer cidadão ter acesso aos vinhos da última colheita”.

“Temos o concurso do produtor, só da última produção, não há de outros anos, porque o objetivo principal do Dão Primores é dar a conhecer a última colheita e, este ano, há vinhos muito bons”, destacou.

No seu entender, “os vinhos tintos, nesta altura, ainda não mostram o que são, o que é normal, mas os brancos e os rosés já estão e há excelentes vinhos, muito bons, para provar” ao longo da tarde de sábado.

As provas comentadas contam com a presença de Cláudia Camacho, “a primeira mulher perfumista independente em Portugal”, António Pina, enólogo natural de Penalva do Castelo, e Mafalda Perdigão, produtora e promotora de vinhos em Viseu.

 

Pode ver também

CENTRO HISTÓRICO DE SERNANCELHE RECEBE, DE 11 A 13 DE JULHO, O SER+CULTURA

Sernancelhe organiza, de 11 a 13 de julho, a edição de 2024 do festival de …

Comente este artigo