Home / Notícias / D. Nuno Almeida natural de Sátão, nomeado bispo de Bragança-Miranda
D. Nuno Almeida bispo da Diocese de Bragança-Miranda

D. Nuno Almeida natural de Sátão, nomeado bispo de Bragança-Miranda

O Papa Francisco nomeou D. Nuno Almeida bispo da Diocese de Bragança-Miranda, anunciou hoje o Vaticano, em comunicado.

O novo responsável pela diocese era bispo auxiliar da arquidiocese de Braga desde novembro de 2015, nomeado também pelo Papa Francisco, tendo assumido funções de vogal na Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios, entre 2020 e 2023; em abril deste ano, foi eleito presidente da Comissão Episcopal do Laicado e Família para o triénio 2023-2026.

O administrador apostólico da diocese de Bragança Miranda saudou a nomeação de D. Nuno Almeida como bispo da diocese, assinalando o “caminho sinodal de renovação pastoral” que desejam realizar.

“Saudando o novo pastor diocesano, desde já se reaviva no coração dos fiéis e de todo o povo a esperança de, juntos, percorrermos um caminho sinodal de renovação pastoral nas diversas comunidades e ambientes deste belo nordeste transmontano que constitui a Diocese de Bragança-Miranda”, escreve o monsenhor Adelino Fernando Paes numa nota da diocese de Bragança-Miranda.

O comunicado assinala “jubilosa e manifesta alegria” pela notícia da nomeação, tornada hoje pública pela Santa Sé, pela escolha de D. Nuno Almeida como 45º bispo da diocese “a necessitar de «sentinela vigilante» e experiente timoneiro, para continuar o ministério apostólico exercido pelos dignos antecessores”.

“Ainda que aguardando o início de ministério episcopal na diocese, a partir de hoje estará bem presente no coração e oração de todos os diocesanos, muito especialmente na celebração eucarística em que passamos a lembrar também e, no momento próprio, o nosso Bispo eleito que, em comunhão com o Papa, nos unirá à Igreja presente em toda a terra”, pode ler-se.

Nuno Almeida é bispo auxiliar da arquidiocese de Braga desde novembro de 2015, nomeado também pelo Papa Francisco, tendo assumido funções de vogal na Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios, entre 2020 e 2023; foi em abril eleito presidente da Comissão Episcopal do Laicado e Família para o triénio 2023-2026.

Na data da sua ordenação episcopal, 31 de janeiro de 2016, numa cerimónia presidida na Sé de Viseu por D. Ilídio Leandro, escolheu como lema «Estou entre vós como aquele que serve (Lc 22,27)».

D. Nuno Almeida nasceu a 1 de Agosto de 1962, em Sátão, na diocese de Viseu, tendo ingressado, em 1972, no Seminário Menor de S. José, em Fornos de Algodres e concluído o curso de Teologia no Seminário Maior de Viseu, no ano letivo de 1983/1984; em 1996, terminou a licenciatura em Teologia, na Universidade Católica Portuguesa com uma tese sobre «O Diálogo com os não crentes».

A formação de D. Nuno Almeida passou ainda por Florença, junto do Instituto Internacional de Cultura Mystici Corporis (do Movimento dos Focolares), em Loppiano, Florença, onde frequentou um curso de atualização teológico-espiritual; em 2016 defendeu, na Universidade Salesiana de Roma, tese de doutoramento em teologia dogmática com o tema «Busca de Sentido da Vida e Reconciliação Cristã. Leitura teológica do pensamento de Viktor Frankl».

O novo responsável pela diocese de Bragança-Miranda foi ordenado sacerdote em Sátão, no dia 19 de Outubro de 1986, tendo assumido funções de pároco entre 1986 a 1989, em Arões, concelho de Vale de Cambra, e 1994 a 2004, em Sezures, Esmolfe e Trancoselos, no concelho de Penalva do Castelo.

Entre 1989 a 1994, D. Nuno Almeida foi secretário de D. António Monteiro, e posteriormente chefe de gabinete de D. António Marto, entre 1994 e 2004, ambos responsáveis pela diocese de Viseu.

Desde outubro de 2013 era pároco «in solidum» das 11 paróquias do arciprestado de Fornos de Algodres.

D. Nuno Almeida assume agora a diocese de Bragança-Miranda que se encontrava sem bispo desde a saída de D. José Cordeiro para a arquidiocese de Braga, a 12 de fevereiro de 2022.

 

Pode ver também

Câmara de Lamego distingue Núcleo da Liga dos Combatentes com Medalha de Ouro

A Câmara Municipal de Lamego vai atribuir a  Medalha de Ouro da Cidade ao Núcleo de Lamego …

Comente este artigo