Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / BE lamenta deslocalização da produção da Covercar de Nelas para Marrocos

BE lamenta deslocalização da produção da Covercar de Nelas para Marrocos

O grupo parlamentar do Bloco de Esquerda (BE) lamenta a perda de postos de trabalho provocada pela deslocalização para Marrocos da produção da Covercar, situada em Canas de Senhorim, no concelho de Nelas.

O grande prejuízo que esta situação traz para a região é notável, gerando desemprego em muitas famílias”, alerta o BE, acrescentando que “esta unidade industrial teve investimento público através de fundos comunitários e da Câmara Municipal de Nelas para assim gerar postos de trabalho”.

No entender do BE, “é importante que as entidades competentes esclareçam se esta situação poderia ter sido evitada até porque existe uma responsabilidade pública devido ao investimento realizado e à criação de posto de trabalho contratualizados num protocolo” com a autarquia.

Numa pergunta dirigida ao Ministério da Economia e da Transição Digital, o grupo parlamentar refere que a empresa “vai proceder ao despedimento de 33 trabalhadoras, na sua maioria costureiras”, e que “só se vão manter três funcionários que não estão ligados às atividades produtivas”.

“A empresa justifica esta decisão com a deslocalização da produção para Marrocos alegando dificuldades no setor automóvel. A Covercar produz estofos para automóveis da Volkswagen, sendo que muitos dos estofos saídos desta empresa iam diretos para a Autoeuropa, em Palmela, e vai-se manter aberta só como centro de logística”, acrescenta.

O BE lembra que a unidade industrial foi inaugurada em 2017 pelo ministro das Infraestruturas e pelo presidente da Câmara.

“Foi implementada, de raiz, com recurso a fundos comunitários e com a ajuda por parte da Câmara Municipal de Nelas num valor de 500 mil euros. A fábrica chegou a contar com 200 trabalhadores”, refere.

No entanto, “nos últimos anos, a empresa tem sido alvo de várias denúncias por parte do BE, que já tinha previsto esta situação, nomeadamente a deslocalização da produção para as unidades industriais da Covercar em Marrocos”, acrescenta.

Neste âmbito, o grupo parlamentar questiona se o Governo conhece a situação e, “tendo em conta o investimento público contratualizado e a importância que a Covercar tem no concelho de Nelas”, que medidas pretende tomar para manter a empresa na região e os postos de trabalho.

Notícia relacionada.

 

Pode ver também

V.N.Paiva – 1ª Reunião de Câmara do Novo Executivo

Realizou-se na manhã desta sexta-feira, 22 de outubro, no Salão Nobre da Câmara Municipal de …

Comente este artigo