Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Incêndios: Alimentos, roupa e calçado suficientes… Vouzela pede outros donativos

Incêndios: Alimentos, roupa e calçado suficientes… Vouzela pede outros donativos

Face aos incêndios que devastaram o concelho de Vouzela nos dias 15 e 16 de outubro, a Câmara Municipal de Vouzela estruturou um plano de ação e ativou um conjunto vasto de equipas no sentido de acudir às principais urgências e prioridades da tragédia. Chamou a proteção civil, ação social, ambiente, infraestruturas públicas, saúde, segurança social, apoio a empresas, setor agrícola e florestal e sanidade animal, num grande esforço de colaboração e articulação direta com as juntas de freguesia do concelho.

Durante esta semana, esclareceu a autarquia em comunicado, prioridade foi “realojar as pessoas das 24 habitações que arderam totalmente no concelho” e por questões de saúde pública “enterrar os animais mortos, às centenas por todo o concelho”. Depois disso a preocupação incidiu em “restabelecer o abastecimento de água” e “interceder junto das entidades competentes para rapidamente serem repostas a eletricidade e as comunicações”.

A decorrer têm estado campanhas de angariação de bens alimentares, produtos de higiene, utensílios de cozinha, e que podem continuar a ser entregues nos Bombeiros de Vouzela. Foram também solicitados eletrodomésticos, materiais de construção, bem como rações e pasto para os animais e cuja distribuição já se encontra a ser feita.

A campanha de roupa e calçado foi, entretanto, suspensa porque todas as necessidades identificadas estão já supridas.

«Agradecendo uma vez mais a enorme onda de solidariedade para com a população do concelho de Vouzela, solicitamos que sejam CANCELADOS TODOS OS DONATIVOS DE BENS ALIMENTARES, ROUPA (de todo o tipo) E CALÇADO.
Até nova reavaliação, todas as necessidades estão supridas.

Mais se informa que, neste momento, as carências são as seguintes:
– pasto e ração para animais;
– artigos de higiene pessoal;
– artigos de limpeza;
– materiais de construção
– eletrodomésticos.»

O município está também a fazer um inventário das habitações danificadas, segundas habitações, anexos agrícolas e imóveis devolutos, cujos impressos podem ser pedidos nas juntas de freguesia e depois de preenchidos, devolvidos novamente nas juntas ou na Câmara Municipal.

Ainda assim a autarquia alerta que esse “levantamento não assegura indemnizações a ninguém, mas é fundamental para se conhecer os reais prejuízos da população do concelho de Vouzela. Apesar disso, importa acrescentar que a autarquia está empenhada em interceder junto de várias entidades e organismos que para os prejuízos possam vir a ser compensados”.

Noutra frente, está ainda a realizar um  “levantamento preliminar das pessoas/ empresas que tiveram prejuízos com a sua atividade económica, bem como de prejuízos agrícolas e pecuários”.

O comunicado termina com uma “palavra de conforto, coragem e de agradecimento” a todos os Vouzelenses “pela união de esforços e apoio ao próximo!” e com um agradecimento “a todos aqueles que têm manifestado a sua solidariedade com o povo do concelho de Vouzela, quer através de donativos quer de afeto e palavras de alento, e têm-nos chegado de norte a sul do país e inclusive do estrangeiro, numa onda verdadeiramente esmagadora de apoio, dizer-vos que esses gestos têm sido a luz que tem iluminado o negro que vemos ao nosso redor! Estamos gratos e vamos honrar a vossa generosidade!”.

 

Pode ver também

GNR identifica 3 suspeitos de incêndios em Tarouca e Lamego

O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Lamego, no …

Comente este artigo