Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Viseu: número de acidentes e vítimas mortais diminuíram nos primeiros seis meses de 2020

Viseu: número de acidentes e vítimas mortais diminuíram nos primeiros seis meses de 2020

O número de acidentes rodoviários, vítimas mortais e feridos graves ou ligeiros diminuiu nos primeiros seis meses do ano, face a igual período de 2019, tendo-se registado 11.501 sinistros, que provocaram 167 mortos e 779 feridos graves.

Estes resultados constam do relatório da sinistralidade rodoviária no continente referente aos seis primeiros meses do ano, elaborado pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR)

Para a ANSR estes resultados demonstram “uma melhoria nos principais indicadores de sinistralidade, comparativamente com o período homólogo de 2019″, com menos 5.167 acidentes com vítimas (-31%), menos 59 vítimas mortais (-26,1%), menos 269 feridos graves (-25,7%) e menos 6.734 feridos leves (-33,5%).

A ANSR realça que a redução do número de sinistros decorre da diminuição de tráfego durante o período de Estado de Emergência devido a pandemia por Covid-19 que impôs medidas de confinamento desde 19 de Março.

Segundo o relatório, a tendência de redução na sinistralidade já tinha sido verificada entre 1 de Janeiro e 18 de Março, período no qual se registaram menos 438 acidentes com vítimas (-6,4%), menos 22 vítimas mortais (-22%), menos 42 feridos graves (-9,8%) e menos 550 feridos leves (-6,7%) por comparação com o período homólogo de 2019.

No período em que vigorou o estado de emergência (19 de Março a 2 de Maio) foi registado um “acentuado decréscimo em todos os indicadores de sinistralidade”, concretamente menos 63,8% de acidentes com vítimas, menos 48,7% mortos, bem como menos de metade dos feridos graves (-57,0%) e menos 67,9% de feridos ligeiros.

Segundo o relatório, as colisões foram os acidentes que ocorreram com mais frequência, representando cerca de metade dos acidentes com vítimas e dos feridos observados no 1.º semestre (51,2% dos acidentes, 44,4% dos feridos graves e 55,9% dos feridos leves), muito embora o maior número de vítimas mortais tenha resultado de despistes (45,5%).

Face ao semestre homólogo, os despistes apresentaram uma redução de 18 vítimas mortais (- 19,1%) e 64 feridos graves (-16,8%), nos atropelamentos registaram-se menos 4 vítimas mortais (-11,4%) e menos 105 feridos graves (-47,5%) e nas colisões verificou-se um decréscimo de 37 vítimas mortais (- 38,1%) e de 100 feridos graves (-22,4%).

A nível distrital, o número de acidentes com vítimas ocorridos no 1.º semestre diminuiu em todos os distritos, comparativamente com o mesmo semestre de 2019.

O distrito de Viseu, registou nos primeiros seis meses de 2020, 430 acidentes de viação, menos 161 face a igual período de 2019 (-27,2%).

As vítimas mortais diminuíram de 10 em 2019 para 7 em 2020, feridos graves de 36 para 30 e feridos ligeiros de 716 para 501 nos primeiros seis meses de 2020.

No 1.º semestre de 2020 foram fiscalizados mais de 55 milhões e 300 mil veículos, quer presencialmente, quer através de meios de fiscalização automática, tendo-se verificado um aumento de +29,1% em relação ao período homólogo de 2019.

 

Pode ver também

Renovação e reforço da rede de óleões no concelho de Vila Nova de Paiva

A crescente preocupação com as práticas de defesa e preservação do meio ambiente, levaram o …

Comente este artigo