Home / Notícias / Viseu: Incêndio urbano provoca quatro desalojados e dois feridos ligeiros

Viseu: Incêndio urbano provoca quatro desalojados e dois feridos ligeiros

Um incêndio num prédio no centro da cidade de Viseu provocou hoje quatro desalojados e dois feridos ligeiros, disse à agência Lusa o adjunto do comando dos Bombeiros Sapadores de Viseu.

“Recebemos o alerta para um incêndio num primeiro piso no Edifício Paulo VI, que tem 10 andares habitacionais, cerca de 50 apartamentos, e, à nossa chegada, cerca de três minutos depois, conseguimos confinar o incêndio ao apartamento onde deflagrou”, disse Rui Poceiro.

Segundo este responsável, “dos quatro residentes do apartamento, estavam dois no momento do incêndio, mas uma estava refugiada no terraço e a outra no exterior do prédio”.

“As equipas rapidamente progrediram pelo interior do prédio, mas a caixa de escada já se encontrava cheia de fumo, o que dificultou a chegada ao piso, e ao apartamento, e dificultou a saída dos residentes dos pisos superiores do prédio”, contou.

Neste sentido, Rui Poceiro afirmou que “foram transportadas duas vítimas do género feminino ao hospital [de Viseu] devido à inalação de fumo, uma de 75 anos e residente do apartamento, e uma segunda de 40, do apartamento vizinho do primeiro piso”.

“Conseguimos dominar e confinar o incêndio, que estava ativo, ao apartamento, embora tenha ficado sem condições de habitabilidade, mas salvaguardámos os restantes apartamentos do edifício”, esclareceu.

Segundo contou, “houve muitos danos no apartamento, nomeadamente no quarto onde terá começado, e nos quartos adjacentes, fora os danos provocados pelo fumo e gases nas restantes divisões”.

Os quatro residentes, contou, “conseguiram realojamento por conta própria”.

Rui Poceiro acrescentou que os restantes apartamentos do edifício “ficaram habitáveis, mas com algum fumo e foi só fazer desenfumagem e ventilação dos compartimentos e da caixa de escada”.

Segundo o Comando Sub-regional Viseu Dão Lafões, o alerta foi dado às 11:56 e no local estiveram 31 operacionais apoiados por 12 viaturas dos bombeiros sapadores e voluntários de Viseu, da PSP, do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e da proteção civil municipal.

 

Pode ver também

Em Penalva do Castelo bebé faleceu em creche da Santa Casa da Misericórdia 

Esta segunda-feira, 15 de abril, uma menina de três meses faleceu em Penalva do Castelo, …

Comente este artigo