Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Verão em Viseu tem mais de 500 atividades em vários pontos da cidade

Verão em Viseu tem mais de 500 atividades em vários pontos da cidade

A Câmara Municipal de Viseu propõe um programa com mais de 500 atividades que vão ser realizadas em vários pontos da cidade. O objetivo desta iniciativa é animar o verão e dar apoio para uma recuperação económica e cultural numa altura de pós-confinamento.

“Verão na cidade-jardim” é o nome desta iniciativa que irá percorrer mais de 28 edifícios, jardins, parques e praças, até 21 de setembro. Fernando Marques, vereador do Turismo, Património e Marketing Territorial, fala sobre o evento, e diz que a programação abrange todas as faixas etárias, desde os mais pequenos aos mais idosos.

A programação do evento é descentralizada e diversificada, e promete vir animar o verão da cidade de Viseu. Conceição Azevedo, presidente da Câmara Municipal de Viseu, garante que no verão de 2021 não vai faltar o que fazer na cidade, sempre com as medidas de segurança em conta.

Segundo a autarca, esta é uma medida criada para apoiar a retoma económica e cultural, uma vez que, os prejuízos gerados pela pandemia nos diversos setores como o comércio, a hotelaria, a restauração e a cultura, são muito elevados.

O programa conta com diversos agentes e promotores culturais que promovem 317 ações, em onze projetos, no âmbito do Viseu Cultura, tal como explica o vereador do Turismo, Património e Marketing Territorial, Fernando Marques.

Algumas das propostas, que vão da dança ao teatro, e que esta iniciativa oferece são: No Fio da Palavra da Associação Cultural Mochos no Telhado, Circo ao Centro, da Companhia de Teatro Erva Daninha, o festival “Karma is a Fest”, da Acrítica CRL e um espetáculo de dança da Companhia Paulo Ribeiro.

O Parque Aquilino Ribeiro bem como os Jardins da Casa do Miradouro, do Museu Keil Amaral e a Cava de Viriato, serão palcos ao ar livre.

A partir de 18 de junho o centro histórico de Viseu receberá no Largo Pintor Gata e na Praça D. Duarte um programa musical previsto à sexta-feira e ao sábado.

Na Rua Direita, a programação arranca a 01 de julho, e prevê-se que haja uma reocupação de lojas desocupadas, por espaços de gastronomia e doçaria, sem deixar de contar com algumas propostas musicais.

De 28 a 4 de julho haverá uma nova edição do Festival de Street Art, e a partir de 30 de julho voltam as Tradições do Feirar. Ambos os eventos estarão disponíveis no Campo de Viriato, que habitualmente acolhe a Feira de São Mateus.

Apesar da pausa forçada da Feira de São Mateus, devido à Covid-19, o município optou por fazer algo mais pequeno e limitado. No habitual recinto da Feira de São Mateus, haverá também diversões e concertos viseenses, com plateia limitada, de quarta-feira a domingo.

Fernando Marques, vereador do Turismo, Património e Marketing Territorial, frisou ainda que o “Verão na cidade-jardim” deve ser um dos maiores programas de animação urbana a nível nacional. Diz que este evento vai contribuir para a economia, sem se desfazer das regras de segurança.

Uma das medidas implementadas no evento para garantir a segurança de todos, é a pré-reserva de ingressos na internet, através da Blueticket, garantindo o acesso aos espetáculos e atividades existentes, que serão na sua maioria gratuitos.

A Viseu Marca e a Associação Comercial do Distrito de Viseu são parceiros da iniciativa.

Recorde-se que no final de maio, foi anunciado o cancelamento da Feira de São Mateus, e foi avançado que estava a ser preparado um outro evento cultural alternativo para o verão.

 

Pode ver também

Covid-19: Vila Nova de Paiva o segundo concelho com a maior taxa de incidência

 

Comente este artigo