Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Unidade de Saúde Familiar da Rua das Bocas em Viseu abre em dezembro

Unidade de Saúde Familiar da Rua das Bocas em Viseu abre em dezembro

O edifício da Casa das Bocas, na Rua João Mendes, em Viseu, que sofreu obras de requalificação para albergar uma unidade de saúde familiar que está pronto desde o início deste ano, vai abrir portas na primeira semana de dezembro deste ano.

O investimento rondou os 2 milhões de euros em obras de reabilitação e mais 400 mil euros para aquisição do edifício e projeto de arquitetura.

A unidade de saúde familiar vai abranger um universo de 18 mil utentes.

A intervenção foi consignada em fevereiro de 2020, com um prazo de execução de 20 meses. A empreitada contou com financiamento de fundos europeus, assumindo-se como uma das obras estruturantes na estratégia de revitalização do Centro Histórico.

Após reunião, em meados de agosto deste ano, ainda com a ministra da saúde no Governo, Marta Temido, o presidente da Câmara Municipal de Viseu dizia que, que não encontrava justificação do Ministério da Saúde para não cumprir o protocolo que assinou para abrir a nova Unidade de Saúde Familiar.

Fernando Ruas recorda que ficou acordado que “quando as obras tivessem concluídas, o que se previa para o final do ano de 2021, se abrisse a Unidade de Saúde Familiar (USF) ficando protocolado para janeiro de 2022”.

O autarca de Viseu, recordou que o edifício da Casa das Bocas, está pronto e equipado, foi feito o auto de receção provisória e, após a reunião com a ministra da saúde, diz não entender que uma unidade de saúde familiar que vai abranger um universo de 18 mil utentes e 10 mil não têm médico de família esteja por abrir portas há 10 meses

Em resposta ao autarca de Viseu, o deputado do PS João Azevedo diz que está para breve a abertura da unidade de saúde familiar da Casa das Bocas. O socialista diz que a equipa de médicos e enfermeiros já está constituída, faltando apenas a equipa de assistentes técnicos.

Fernando Ruas disse que “a dificuldade em arranjar meio humanos deveria ter sido previsto, aquando da assinatura do protocolo, no entanto o autarca de Viseu realça que, a USF está fechada [por falta de resposta do Governo]”.

O autarca disse ainda que há médicos a “lamentarem a grande afluência aos hospitais por falta de pontos de rede” quando as obras de requalificação do edifício da Casa da Bocas, na rua João Mendes que deram lugar a uma Unidade de Saúde Familiar estão concluídas, aguardando apenas luz verde por parte do ministério da saúde para abrir.

 

Pode ver também

Lamego. Parque Biológico prepara “Natal na Floresta”

O espírito natalício já envolve o Parque Biológico da Serra das Meadas, em Lamego, e …

Comente este artigo