Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / “Tribunal” do PSD, viabiliza candidatura de José Manuel Rodrigues à Câmara de Vila Nova de Paiva

“Tribunal” do PSD, viabiliza candidatura de José Manuel Rodrigues à Câmara de Vila Nova de Paiva

A Concelhia de Vila Nova de Paiva entregou uma queixa ao Conselho de Jurisdição Nacional (CJN) do PSD, na qual questionava quem tem competências para indicar candidatos às eleições autárquicas.

Em Vila Nova de Paiva, a concelhia social-democrata tinha apontado António Tavares como candidato à Câmara Municipal para as eleições autárquicas deste ano. Apesar dessa escolha, a distrital do PSD Viseu avançou com o nome de José Manuel Rodrigues, ex presidente da Assembleia Municipal de Vila Nova de Paiva, candidato que já tinha sido aprovado pela nacional do partido.

A polémica entre a distrital do PSD Viseu e a Concelhia de Vila Nova de Paiva, levou à apresentação de uma queixa, que foi analisada pelo Conselho de Jurisdição Nacional (CJN) do PSD.

De uma forma genérica, a queixa questionava o CJN sobre violação dos estatutos na escolha do candidato por não ter sido respeitada pela direção nacional o nome proposto pela concelhia, e no caso de Vila Nova de Paiva com o apoio da distrital.

O Conselho de Jurisdição Nacional do PSD veio agora dar razão à escolha de José Manuel Rodrigues, nome proposto pela distrital do partido. Uma decisão que já era esperada, realçou à Alive Fm, Pedro Alves presidente do PSD Viseu.

Pedro Alves diz que a Concelhia do PSD de Vila Nova de Paiva não respeitou os estatutos do partido e não ouviu a assembleia de militantes, que por esta razão todas as decisões foram dadas como nulas.

Perante os factos, Pedro Alves diz que, “na escolha do candidato do PSD à câmara de Vila Nova de Paiva, havia uma agenda pessoal” da Comissão Política de Secção.

O nome de António Tavares proposto pela Concelhia do PSD para encabeçar a lista do partido à câmara de Vila Nova de Paiva, foi rejeitado, recorde-se que antes da decisão do Conselho de Jurisdição Nacional do partido, conhecida a 20 de julho, António Tavares, já se tinha apresentado como candidato independente ao município apoiado pelo movimento “Nós Cidadãos”, uma candidatura que para Pedro Alves apenas serve “interesses e objetivos pessoais”.

Na reação à decisão do Conselho de Jurisdição do Partido, José Manuel Rodrigues, candidato escolhido pela distrital do partido à Câmara de Vila Nova de Paiva, em declarações à Alive Fm, disse que “estava tranquilo e sereno e que sempre confiou nos procedimentos internos do PSD”.

Apesar de todo o processo, a candidatura do PSD em Vila Nova de Paiva decorreu normalmente, realçou José Manuel Rodrigues.

A Alive Fm tentou contactar a Comissão Politica Concelhia do PSD de Vila Nova de Paiva, liderada por Fernando Brás, mas até ao momento, não foi possível recolher qualquer reação.

 

Pode ver também

Covid-19 / Sátão: Número de casos e taxa de incidência aumentam

Desde o início do mês de novembro, o número de casos da Covid-19 no concelho …

Comente este artigo