Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Tondela: foco de poluição no Rio Dinha com origem desconhecida
Rio Dinha - Tondela

Tondela: foco de poluição no Rio Dinha com origem desconhecida

A Câmara de Tondela alertou o Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR para um foco de poluição nas águas do Rio Dinha.

“O alerta foi dado por munícipes, tendo os serviços de fiscalização municipal, verificando que na zona da Quinta da Ínsua as águas do Rio Dinha apresentavam um aspeto ludro”, refere a autarquia em comunicado.

A autarquia informou o SEPNA “para a ocorrência” enviando para as autoridades “fotografias recolhidas no local” pelos técnicos municipais.

A Câmara de Tondela refere ainda que “no local a descarga na linha de água, proveniente da ETAR de Tondela após tratamento, apresentava água límpida e transparente.

Os serviços de fiscalização municipal não conseguiram detectar a origem do foco de poluição, que terá ocorrido a jusante da descarga da ETAR de Tondela e a montante da descarga da ETAR da Quinta da Ínsua”.

“Esta ocorrência, no Rio Dinha, que segundo o município nada teve a ver com o funcionamento da ETAR de Tondela, contribui para a contaminação das águas do Rio Dinha”.

O Rio Dinha atravessa quatro concelhos: Vouzela, Viseu, Tondela e Santa Comba Dão.

Nasce no lugar de Covas, no concelho de Vouzela, em plena Serra do Caramulo. Tem 35 quilómetros de extensão até desaguar no rio Dão.

No concelho de Tondela, na antiga freguesia de Nandufe, existe uma praia fluvial visitada por centenas de banhistas durante o Verão.

 

Pode ver também

A.F.Viseu – Divisão de Honra – 2020/2021 – Antevisão da 2ª Jornada

Este domingo, 20 de setembro, pelas 15h00, joga-se a 2ª Jornada da Divisão de Honra …

Comente este artigo