Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Sistemas de águas residuais de Santa Comba Dão vão ser melhorados
Leonel Gouveia presidente da CM de Santa Comba Dão

Sistemas de águas residuais de Santa Comba Dão vão ser melhorados

Cerca de 2,2 milhões de euros deverão ser investidos em sistemas de águas residuais no concelho de Santa Comba Dão, uma vez que os atuais se encontram obsoletos, disse o presidente da Câmara, Leonel Gouveia.

Neste momento, está aberto um concurso público que prevê a divisão da obra em três lotes: Sistema de Drenagem de Águas Residuais de Pinheiro de Ázere (preço base de 773.568 euros), Sistema de Vila Pouca/Casal Bom (preço base de 431.763 euros) e reformulação do Sistema de Tratamento de Águas Residuais de São Joaninho (preço base de 992.471 euros).

“No caso de serem obras muito grandes, pode não haver empreiteiros que se candidatem. Dividindo em lotes, permite que haja empreiteiros que concorram aos lotes todos, só a um ou a dois”, justificou Leonel Gouveia.

Tendo como entidade adjudicante a Associação de Municípios para o Sistema Intermunicipal de Águas Residuais de Carregal do Sal, Santa Comba Dão, Tábua e Tondela, estas obras vão realizar-se em freguesias que têm sistemas ultrapassados.

“Sistemas de tratamentos diversos, diferentes uns dos outros, muitos deles obsoletos, alguns nem eram verdadeiros sistemas de tratamento, eram fossas séticas”, descreveu.

A intenção é que, em cada um destes três projetos, haja uma única estação de tratamento, o que não acontece atualmente.

“A freguesia de São Joaninho vai ter uma única estação de tratamento e neste momento existe uma dúzia delas. Em Pinheiro de Ázere há oito estações de tratamento, muitas delas completamente deficientes do ponto de vista do tratamento”, contou.

Segundo o autarca, “a partir do momento em que há uma única estação de tratamento, ela poderá ter um melhor acompanhamento”, além de que terá “equipamentos atuais em termos daquilo que são as novas conceções do tratamento de águas residuais”.

As obras serão financiadas em cerca de 60% pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), no âmbito de uma candidatura feita pela Associação de Municípios para o Sistema Intermunicipal de Águas Residuais de Carregal do Sal, Santa Comba Dão, Tábua e Tondela.

Para os projetos dos quatro municípios, está previsto um financiamento de 4,8 milhões de euros.

 

Pode ver também

Mangualde: Caminhos do Bom Sucesso no domingo

A segunda rota promovida no mês de maio, os “Caminhos do Bom Sucesso”, em São …

Comente este artigo