Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Sindicato exige mais pessoal na empresa que serve refeições no hospital da CUF em Viseu

Sindicato exige mais pessoal na empresa que serve refeições no hospital da CUF em Viseu

As trabalhadoras da empresa Sinal Mais que asseguram o serviço de alimentação do Hospital CUF Viseu, concentraram-se ontem em frente as instalações da unidade Hospitalar, numa jornada de protesto por melhores condições de trabalho.

O quadro de pessoal contratado para assegurar o serviço é insuficiente, dizem as trabalhadoras, o que obriga a ritmos de trabalho muito elevados e coloca as trabalhadoras em situação de grande stress, e consequentemente tem resultado em problemas de saúde físicos e psicológicos, que têm conduzido a vários pedidos de baixas médicas, realçou Afonso Figueiredo, delegado do Sindicato da Industria Hoteleira.

A empresa instituiu a prática de horários de 12 horas diárias, que associados aos ritmos de trabalho impostos, face ao reduzido quadro de pessoal se traduzem em jornadas de trabalho incomportáveis e de enorme desgaste para as trabalhadoras, realça o sindicalista Afonso Figueiredo.

Afonso Figueiredo, diz que caso a empresa não resolva a situação das trabalhadoras, o próximo passo pode passar pelo recurso à greve.

A resposta da empresa às trabalhadoras é que, não é possível contratar mais funcionários. Olinda Rodrigues, cozinheira diz que a situação já se arrasta há muito tempo e as revindicações não têm tido resposta.

Trabalham no serviço de alimentação do Hospital CUF de Viseu, apenas 2 trabalhadoras por dia em jornadas de trabalho diárias de 12 horas  para fazer a preparação e confecção dos pequenos almoços/ almoços/ lanches/jantares/ceias e as refeições completas servidas no refeitório da Unidade Hospitalar com pratos variados. As trabalhadoras asseguram também todo o funcionamento do refeitório, realça Olinda Rodrigues.

Funcionárias da empresa Sinal Mais que asseguram o serviço de alimentação do Hospital CUF Viseu, reivindicam melhores condições de trabalho.

 

Pode ver também

Tondela quer manutenção o quanto antes e crescer

Treinador e presidente da SAD são uníssonos no principal objetivo para a época 2021/22, a …

Comente este artigo