Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / PSD Viseu preocupado com envelhecimento do corpo docente e falta de acesso à internet nas escolas

PSD Viseu preocupado com envelhecimento do corpo docente e falta de acesso à internet nas escolas

Os deputados do PSD eleitos pelo Círculo Eleitoral de Viseu realizaram, esta segunda-feira, uma visita a duas instituições escolares do concelho de Viseu. Diretores, professores e auxiliares alertaram o deputado Hugo Carvalho e o deputado Guilherme Almeida para as principais preocupações e problemas verificados no arranque deste novo ano escolar, que representam um desinvestimento do Estado Central no ensino.

Durante as visitas, um dos alertas deixados foi a situação que coloca em causa a qualidade do ensino público, nomeadamente o rendimento e o desempenho de alunos e professores: a falta de investimento no acesso ao digital e rede de internet. 

De acordo com Hugo Carvalho, é notória a inexistência de investimento na modernização digital das escolas, o que dificulta o usufruto do material informático que as instituições escolares dispõem por completo. “O que constatamos aqui é a existência de salas com material informático, que tardou mais de um ano a chegar, e que depois não o podem utilizar porque não existe rede e software com qualidade”. Segundo o parlamentar, a modernização tecnológica tem de ser uma prioridade e tem de estar centrada na melhoria da eficácia e da eficiência dos serviços que estão ao dispor da comunidade escolar, no âmbito da modernização administrativa.

“Há escolas pelo país fora que nem sequer podem trabalhar com conteúdos digitais. Ou porque não têm internet na sala de aula ou porque a instituição está há vários anos à espera de uma modernização nos suportes informáticos. Todos denunciamos estas situações: pais, alunos, diretores, autarcas, mas o Governo o que diz, todos os anos, é que as escolas estão preparadas e com todos os recursos ao dispor. Sabemos bem que falta à verdade”, critica também o social-democrata, Guilherme Almeida.

Nas reuniões com os diretores dos estabelecimentos, foi também sinalizado o problema atual do envelhecimento do corpo docente e não docente das escolas. Atualmente, os professores são uma classe profissional envelhecida e os diretores têm alertado para a falta de docentes que já se faz sentir nas escolas, estando-se a caminhar para um problema nacional.

Hoje, a classe docente em Portugal apresenta um duplo envelhecimento: quer no que diz respeito à falta de professores jovens a ingressar na profissão, quer com a idade dos profissionais na carreira a aumentar. 

Perante os diretores das instituições, o deputado Hugo Carvalho considerou que se está perante “uma circunstância que exige uma ação rápida e urgente para inverter o ciclo de existirem cada vez menos jovens interessados em seguir a carreira de professor”. “As carreiras têm de ser mais atrativas. Sabemos que há menos jovens a sonhar serem professores…”

Durante as reuniões, Hugo Carvalho defendeu que é preciso que o Ministério da Educação encontre soluções para estes problemas, envolvendo no processo as famílias e as direções das escolas. “O Governo Socialista está há vários anos no poder e não aprende com os erros que já aconteceram e não previne, nem tenta corrigir as situações”, refere.

 

Pode ver também

Águas do Norte investe 1,5 milhões de euros em água e saneamento em Cinfães

A Águas do Norte vai avançar com uma empreitada no valor de 1,5 milhões de …

Comente este artigo