Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / PSD Viseu diz que, aviso de concurso do Centro de Ambulatório e Radioterapia “era uma obrigação do Governo”

PSD Viseu diz que, aviso de concurso do Centro de Ambulatório e Radioterapia “era uma obrigação do Governo”

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro lançou o aviso de concurso para apresentação da candidatura do Centro de Ambulatório e Radioterapia do Hospitalar de Viseu.

Os deputados do PSD, eleitos pelo círculo eleitoral de Viseu, manifestam em comunicado, satisfação pelo lançamento do aviso que permitirá ao Centro Hospitalar Tondela-Viseu aceder a fundos comunitários.

Segundo os sociais-democratas, o aviso de concurso “vem ao encontro de todas as iniciativas e propostas políticas que o PSD nos últimos 6 anos defendeu na Assembleia da República, desde que se tomou a decisão da construção em 2015.

Pedro Alves, presidente da distrital do PSD Viseu, disse à Alive Fm, que, o lançamento do aviso “era uma obrigação do Governo em agilizar a decisão política que tinha sido tomada na governação de Pedro Passo Coelho”, à data Primeiro-Ministro.

O presidente da distrital do PSD Viseu, diz que, o aviso de concurso para apresentação da candidatura do Centro de Ambulatório e Radioterapia do Hospitalar de Viseu, “trata-se de um processo tardio e que o adiamento muito tem prejudicado os viseenses”.

Pedro Alves refere que, “desde 2015, o Governo e o PS andaram a enganar os viseenses com sucessivos anúncios e embustes”, e o aviso agora lançado “vem ao arrepio do que era a vontade do Governo para o ano em curso, uma vez que o Orçamento de Estado não previa qualquer obra do Centro de Ambulatório e Radioterapia ”.

O social-democrata repudia, as declarações do deputado socialista João Azevedo, que vem agora querer retirar dividendos pessoais e políticos de uma luta, que para Pedro Alves, tem unido os partidos, autarcas, profissionais de saúde e forças vivas da região. “A intensão do deputado, recorda o social-democrata é facilmente contrariada, quando chumbou a proposta do PSD para incluir no Orçamento de Estado para o ano em curso, medidas para a construção do centro oncológico”, refere.

Pedro Alves recorda que o lançamento do aviso para apresentação da candidatura do Centro de Ambulatório e Radioterapia do Hospitalar de Viseu, permite garantir o financiamento dos fundos comunitários, mas falta ainda a garantia da comparticipação do Governo.

Está dado o primeiro e importante passo, para que Viseu tenha mais uma resposta de saúde diferenciada, melhorando as condições de trabalho dos profissionais de saúde e em particular, dos cuidados para os utentes, no entanto, o PSD Viseu “aguardar pelo trabalho do conselho de administração para que lance o concurso no valor de 24 milhões de euros, com a máxima celeridade, de modo a que o centro oncológico, com todas as valências, seja uma realidade nos próximos 2 anos”.

 

Pode ver também

Novo espaço verde vai abrir ao público no centro de Viseu

Um novo espaço verde com mais de dois hectares vai ficar disponível para fruição pública …

Comente este artigo