Home / Notícias / PJ detém suspeito de atear diversos fogos florestais em Mangualde

PJ detém suspeito de atear diversos fogos florestais em Mangualde

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem de 38 anos pela presumível prática de “diversos crimes” de incêndio florestal em Mangualde, em agosto deste ano, foi hoje anunciado.

Através de um comunicado hoje divulgado, a PJ refere que “identificou e deteve um homem, de 38 anos, pela presumível prática de diversos crimes de incêndio florestal, ocorridos no início de agosto do corrente ano, na localidade de Quintela, Freguesia de Freixiosa, no concelho de Mangualde, distrito de Viseu. 

“O suspeito, com uso de chama direta, durante a madrugada, terá ateado os incêndios junto a caminhos florestais, em zonas com vasta mancha florestal, e confinantes com zonas urbanas”, adianta. 

As chamas, segundo a PJ, “só não ganharam proporções mais gravosas pela rápida intervenção dos Bombeiros Voluntários de Mangualde, com o auxílio de meios aéreos”. 

“Os incêndios consumiram uma área florestal (constituída por eucaliptos, pinheiros e carvalhos) com cerca de 27 hectares e provocaram prejuízos estimados de aproximadamente 17.000 euros”, acrescenta. 

O detido vai ser presente ao Tribunal Judicial de Viseu para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas. 

A Judiciária esclarece ainda que a detenção foi feita através da Diretoria do Centro com a colaboração do Grupo de Trabalho para a Redução das Ignições em Espaço Rural do Centro e do Núcleo de Proteção Ambiental da GNR de Mangualde.

 

Pode ver também

Vinhos do Dão Casa da Ínsua com mais 9 medalhas, 2 das quais Grande Ouro

DUAS MEDALHAS GRANDE OURO, QUATRO DE OURO E TRÊS DE PRATA CONSAGRAM,UMA VEZ MAIS, A …

Comente este artigo