Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Padre de Viseu levantou dois mil euros da conta da paróquia
Padre Luís Miguel Costa

Padre de Viseu levantou dois mil euros da conta da paróquia

O padre de Viseu suspeito de enviar mensagens de cariz sexual a um menor de 14 anos, levantou dois mil euros da paróquia que servia. Bispo de Viseu já foi informado.

O padre de 46 anos suspeito de ter assediado sexualmente um jovem de 14 anos levantou dois mil euros da conta da paróquia pertencente à Diocese de Viseu após ter sido suspenso, segundo o JN.

Impedido de assumir qualquer cargo na diocese desde agosto, o padre fez dois levantamentos — um de 1500 euros e outro de 600 euros no mês de setembro. A Comissão Fabriqueira de São João de Lourosa, responsável por gerir as contas da paróquia, comunicou o sucedido ao Bispo de Viseu e exige o dinheiro de volta.

“Foi um bocadinho em cima da data em que saiu”, indicou fonte da Comissão Fabriqueira ao JN que avançou com a notícia. Outro elemento da paróquia sublinha que o sacerdote tinha o controlo total das contas: “Ele mandava e pagava-se a si próprio”.

O padre está a ser investigado pelo Ministério Público pelo envio de mensagens de cariz sexual a um menor. Além disso, o pároco terá também tentado apalpar e beijar o adolescente de 14 anos durante um almoço, em que também estava presente o pai do jovem.

O telemóvel e o computador do pároco já foi entregue à Polícia Judiciária e terão sido encontradas imagens suspeitas, sabe a TVI. Na segunda-feira, e para “memória futura”, o jovem de 14 anos prestou declarações a um juiz de instrução criminal sobre o sucedido.

Nas redes sociais, o padre anunciou que não se vai pronunciar sobre o assunto, porque o silêncio é “o maior e melhor aliado da inocência e da justiça”. “Apetecia dizer em bom português vão chamar pedófilo à p*** que os pariu… mas sou educado, sempre fui e sempre serei”, escreveu ainda.

A Diocese de Viseu garantiu ter cumprido “todos os passos e os procedimentos legais”, seguindo as orientações delineadas pelo “Papa Francisco” “e as diretrizes da Conferência Episcopal Portuguesa”.

 

Pode ver também

Iluminação de Natal em Oliveira de Frades

Oliveira de Frades ganhou um brilho especial com a iluminação de Natal preparada pelos colaboradores …

Comente este artigo