Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Novo espaço verde vai abrir ao público no centro de Viseu

Novo espaço verde vai abrir ao público no centro de Viseu

Um novo espaço verde com mais de dois hectares vai ficar disponível para fruição pública no centro de Viseu, no âmbito de negociações com privados, anunciou hoje o presidente da autarquia, Fernando Ruas.

À reunião pública do executivo camarário realizada hoje foi levado um contrato de planeamento que tem como objetivo a requalificação da parte superior da Quinta do Serrado e sua sujeição a procedimento de discussão pública, durante 15 dias.

Fernando Ruas congratulou-se por, após “uma negociação extremamente bem conduzida”, que durou mais de meio ano, o espaço verde da Quinta do Serrado ficar em breve disponível para a comunidade.

“Era algo que nós tínhamos de fazer para ter cada vez mais a afirmação de cidade verde”, frisou o autarca, lembrando que, a poucas centenas de metros, se encontra o Parque Aquilino Ribeiro.

Segundo Fernando Ruas, a casa principal da Quinta do Serrado será requalificada e futuramente colocada ao serviço da câmara.

O autarca explicou que está prevista “a requalificação da casa pelos promotores, que depois será disponibilizada para a câmara propiciar melhores condições à cultura” e para “apoio às atividades que depois se mostrarem importantes desenvolver naquele espaço verde”.

As negociações foram feitas com promotores de um projeto de uma Unidade de Cuidados Continuados proposto à câmara para outra área daquele terreno, mas “são processos que correm autonomamente”, esclareceu.

“É património privado, tivemos que ter este tipo de cuidado e de negociação. O que se propõe agora é que esteja em debate público 15 dias seguidos. Temos que cumprir esta norma”, explicou.

Fernando Ruas avançou que pretende disponibilizar o novo espaço verde rapidamente, até porque a sua principal preocupação “não é fazer muitas modificações”, uma vez que “tem beleza natural quanto baste”.

“O que é preciso é que ele passe a ser disponibilizado. Precisamos de mais um pulmão na cidade e assim ficamos com uma cobertura de espaços verdes que nos agrada de sobremaneira”, frisou.

O espaço será cedido à autarquia por um período de 30 anos, renovável por mais cinco.

 

Pode ver também

GNR deteve mulher pelo tráfico de estupefacientes em Sernancelhe

O Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Moimenta da Beira, deteve uma mulher de 32 …

Comente este artigo