Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Militares do RI 14 de Viseu partem para missão no Afeganistão
Fotografia DN

Militares do RI 14 de Viseu partem para missão no Afeganistão

O ministro da Defesa anunciou a partida de 154 militares para o Afeganistão, Cabul, que vão render o grupo da Força Nacional Destacada ali a operar, integrando a Resolute Suport Mission.

O membro do Governo, João Cravinho, salientou que as tropas portugueses, que cumprem missões de seis meses, operam como a “força de reação rápida” no aeroporto de Cabul.

“Esta é uma Força Nacional Destacada que vai render a força nacional e que tem como missão principal ser a força de reação rápida no aeroporto de Cabul. É uma responsabilidade muito elevada”, afirmou o ministro.

Segundo apontou, os 154 militares que vão agora render a força portuguesa em Cabul “vão em três levas”, sendo que “já foram 54 na passada segunda-feira e hoje e no dia 20 de maio seguirão os outros quase 100 militares”, que vão cumprir uma missão de seis meses.

Portugal participal desde 2015 na missão em Cabul, sendo que esta é a terceira Força Nacional Destacada a prestar serviço.

A missão garante o treino, aconselhamento e assistência às instituições nacionais na área da segurança e defesa e ao “mais alto nível” dos comandos do Exército e da Polícia, segundo explicou à Lusa fonte do ministério da defesa

O Exército Português participa com diversas forças, incluindo uma Força de Reação Rápida (QRF), com um efetivo de 154 militares.

Dos 154 homens que partem em missão, 66 são do Regimento de Cavalaria N.º 6 (Braga), 53 do Regimento de Infantaria N.º 14 (Viseu), 33 do Regimento de Infantaria N.º 13 (Vila Real) e 2 militares de outras unidades.

 

Pode ver também

Adiado julgamento do autarca de Tondela, acusado dos crimes de peculato e falsificação de documento

O julgamento do presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus, que estava marcado para …

Comente este artigo