Home / Notícias / GNR de Viseu constituiu arguida uma mulher por contrafação na Área Metropolitana do Porto

GNR de Viseu constituiu arguida uma mulher por contrafação na Área Metropolitana do Porto

O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Viseu, constituiu arguida uma mulher de 47 anos por contrafação e apreendeu diverso material associado ao ilícito, na área Metropolitana do Porto, no âmbito da operação “The Cleaner”.

No decurso das diligências de investigação que se seguiram a uma operação policial realizada no dia 23 de maio de 2023 e que permitiu, à data, deter 15 pessoas por 57 furtos em residências e 94 em estabelecimentos, em todo o território continental, os militares da Guarda realizaram duas buscas domiciliárias, na área Metropolitana do Porto, que culminaram na constituição de arguida de uma mulher por 11 crimes de contrafação e na apreensão de diverso material, nomeadamente:

• Cautelas de penhor de ouro;
• Alarmes provenientes de roupa furtada;
• Um mecanismo de extração de alarmes;
• 70 embalagens com peças de bijuteria de marcas registadas, provenientes dos furtos;
• 43 malas de senhora;
• 28 pares de calçado contrafeitos;
• Material para etiquetagem dos bens contrafeitos;
• Várias peças de ouro, no valor estimado de 2 860 euros.

De salientar ainda que, no âmbito desta operação, já foram constituídos arguidos, 30 pessoas, tendo sido decretada a medida de coação de prisão preventiva a sete delas.
Esta operação contou com o apoio da Polícia de Segurança Pública.

 

Pode ver também

O município de Sátão iniciou recolha porta a porta de materiais para reciclagem

O município de Sátão iniciou a recolha porta a porta de materiais para reciclagem junto …

Comente este artigo