Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Empresa de Moimenta da Beira é única no país a produzir álcool gel através de cereais

Empresa de Moimenta da Beira é única no país a produzir álcool gel através de cereais

A empresa de turismo de habitação e desporto Crónica D’Aventura reinventou-se com a pandemia e criou o álcool gel e desinfetante “bioCISTER”, à base de cereais, que é “menos agressivo” para o ambiente e único no País.

“Neste momento não tenho conhecimento de outra empresa a produzir álcool gel com álcool cereal. O mais comum é produzir com álcool de origem de beterraba, que é o que está mais no mercado, produzido em França, e o de cana-de-açúcar, produzido em Espanha, que são os maiores produtores ao nível europeu”, disse à agência Lusa Luís Correia Alves.

Este responsável explicou que a sua empresa, “Crónicas D’ Aventura”, sediada em Moimenta da Beira, no distrito de Viseu, há mais de 15 anos, dedica-se ao turismo de habitação e desportos de aventura, ou seja, “um trabalho muito sazonal” e, por isso, com a pandemia teve de se reinventar.

“A empresa criou a marca ‘bioCISTER’ e especializou-se na produção de produtos de combate à covid-19, na sequência dessa necessidade” e porque também precisava de sair da “sazonalidade e estar a trabalhar o ano inteiro”, justificou.

Assim, com um “investimento a rondar os 600 mil euros”, começou por produzir álcool gel com álcool de origem vínica, “até tendo em conta a quantidade de produtores na região e a própria Cooperativa de Ribeira Távora, mas não é compensador, por causa do preço do vinho e ficam aromas mais fortes no gel”.

“Atualmente produzimos exclusivamente com álcool de origem no cereal. A produção de cereal é um processo que passa por duas fases, uma que é a fermentação e a outra é a destilação, e é o álcool mais neutro em termos de aromas”, relatou.

Luís Correia Alves acrescentou que “é o álcool normalmente utilizado em dermatologia, em produtos de cosmética, porque é completamente neutro em termos de aromas e também é o melhor para o ambiente, porque é o mais volátil na dissolução em água, portanto é o menos agressivo em termos ambientais”.

“A nossa aposta é em produtos de qualidade e utilizamos glicerinas e carbonos como dermoprotetor, ou seja, o objetivo é aplicar o álcool gel com proteção de virucida e também proteger as mãos, as mãos ficam macias”, referiu.

Neste momento, são os “únicos fornecedores das marcas do FC Porto e do Sporting” e de “várias empresas na área da farmacêutica” e “também é possível fazer embalagens personalizadas” e, além do álcool gel, a ‘bioCISTER’ produz “um desinfetante de superfícies com a mesma base de álcool”.

Com capacidade para produzir, “em destilação, cerca de dois mil litros por dia, num ciclo normal de oito horas, mas em caso de necessidade é possível produzir até cinco a seis mil litros” por dia, “tudo depende da procura”.

Este responsável não teme o futuro, uma fase pós pandémica, porque “há mais produtos que se podem fazer com este tipo de álcool, nomeadamente a produção de bebidas brancas como é o gin tónico, por exemplo”.

“Os melhores gins são produzidos com origem em álcool de cereal. Como depois são adicionados aromas e outros componentes, como este álcool é muito neutro, absorve mais estes aromas e por isso um bom gin é feito com base neste álcool”, especificou.

 

Pode ver também

Covid-19: Tondela com três jogadores infetados além do treinador Pako Ayestarán

Três jogadores do Tondela testaram positivo ao vírus SARS-CoV-2, depois de ter sido anunciado pelo …

Comente este artigo