Home / Notícias / Consultora NTT DATA Portugal passa a estar presente em Viseu

Consultora NTT DATA Portugal passa a estar presente em Viseu

A NTT DATA Portugal, consultora global de negócio e tecnologia, que transforma as organizações pela inovação, acaba de anunciar a criação de um novo hub de conhecimento, focado em ofertas específicas orientadas para Microsoft Business Applications.

Hub, que se encontra localizado no Real Business Center em Viseu, vai assim dedicar-se ao desenvolvimento e implementação de soluções que tiram partido do Microsoft Dynamics365 e da Microsoft Power Platform. Este hub soma-se a um outro também orientado para tecnologias Microsoft: o Hub Azure Apps&Infra. Encontra-se localizado no Polo de Azurém (Guimarães) da Universidade de Minho e está focado em serviços especializados de advisory, desenho e implementação de arquiteturas cloud Azure, assim como na operação das mesmas. 

É mais um passo na aposta que a companhia tem vindo a fazer na parceria com a Microsoft, através da constituição de equipas especializadas, que funcionam como uma extensão dos Centros de Excelência Microsoft que a NTT DATA já detém em Portugal. Estas estruturas enriquecem as capacidades da companhia no desenvolvimento de projetos de transformação organizacional e tecnológica, tanto para clientes nacionais como internacionais, através de equipas com identidade própria, diferenciadas e multidisciplinares.

Estas duas unidades tirarão partido da proximidade das instituições de ensino superior locais para atraírem, reterem e desenvolverem talento, mas também para acelerarem a inovação recorrendo a tecnologias Microsoft. No caso do Hub Azure Apps&Infra o foco estará na criação de oportunidades de emprego, não só para alunos da Universidade do Minho, mas também provenientes de outras instituições dos distritos de Braga e Porto. Já o Hub Microsoft Business Applications a relação preferencial será com o Instituto Politécnico de Viseu.

Modelo de trabalho flexível, híbrido e dinâmico

À semelhança das outras localizações, os Hubs de Viseu e de Guimarães seguem um modelo de trabalho flexível, híbrido e dinâmico assente na confiança e no compromisso de cada colaborador. O mesmo reflete um registo de trabalho tendencialmente remoto, pontuado por momentos de colaboração presencial, importantes para promover o sentido de pertença, o espírito de equipa e para revitalizar energias.

Paulo Silva, Partner & Head of Emerging Business Areas and Delivery Models da NTT DATA Portugal, afirma estar “muito entusiasmado por anunciar a criação de mais um Hub da NTT DATA, que é revelador da dinâmica de crescimento e de foco na especialização da companhia em Portugal e da aposta que estamos a fazer no sentido de aprofundar competências, no caso, em tecnologias Microsoft, pela criação de equipas especializadas em algumas das ofertas tecnológicas do fabricante – como se verifica em Viseu e Guimarães – ou setores de atividade. E isso só é possível de se fazer captando, retendo e desenvolvendo talento diferenciado, que reside de norte a sul do país, nomeadamente em centros urbanos do interior ou de menor densidade populacional, que têm muito a acrescentar ao ecossistema de inovação em que a NTT DATA opera”.

Estratégia integrada no plano de crescimento

A criação destes Hubs de Conhecimento Específico faz parte da estratégia de crescimento da NTT DATA EMEAL – na qual a subsidiária portuguesa se integra -, que prevê duplicar o volume de negócios até 2025, passando dos 3.000 milhões atuais para os 6.000 milhões de euros (volume de negócios da região). Uma ambição que em Portugal se reflete no alargamento da atividade da companhia a outras geografias do país, no reforço das equipas, numa aposta ainda mais intensa no desenvolvimento de talento especializado, também pela via do reskilling e upskilling, e na expansão do laboratório digital da companhia, de forma que investigadores e estudantes se possam juntar aos clientes e à NTT DATA na experimentação e cocriação de soluções inovadoras.

 

Pode ver também

II Passeio TT “Terras do Demo” saiu para a estrada com 85 jipes

Foram 30 quilómetros cheios de adrenalina pura. O II Passeio TT “Terras do Demo” realizou-se …

Comente este artigo