Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões quer dar continuidade à rede cultural

Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões quer dar continuidade à rede cultural

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, no âmbito do PO Centro 2020, submeteu, ao fundo extraordinário “Programação Cultural em Rede”, a candidatura “Rede Cultural Viseu Dão Lafões”, num valor total de trezentos mil euros, que pretende dar continuidade ao ciclo programático que tem desenvolvido na área cultural e cuja atividade foi fortemente limitada no contexto da pandemia COVID-19.  

Com esta candidatura, a CIM Viseu Dão Lafões visa “articular em todo território, ao longo do ano de 2021, uma programação cultural que permita, não só, a valorização dos recursos patrimoniais e museológicos regionais, como também, apoiar os agentes culturais e turísticos locais, apostando numa agenda cultural diversificada aliada a uma estratégia de comunicação e promoção”.  

Esta candidatura procura dar “continuidade à rede cultural de cooperação intermunicipal que a CIM Viseu Dão Lafões tem vindo a fomentar, em parceria com os catorze municípios que a integram, e que tem permitido, não só, promover a itinerância de conteúdos artísticos, como tem contribuído para a estruturação de um produto cultural regional de características ímpares”. 

“Com forte aposta numa programação cultural suportada em iniciativas que envolvem tanto as comunidades como a rede de agentes culturais de toda a região, esta candidatura conta com a parceria artística de entidades culturais de inquestionável notoriedade do território Viseu Dão Lafões”, frisa.  Paralelamente, em articulação com os quatorze municípios do território, a CIM Viseu Dão Lafões concertou uma estratégia intermunicipal de apresentação de candidaturas conjuntas, no domínio da Programação Cultural em Rede.

Neste contexto, foram apresentadas mais cinco candidaturas, com geometrias temáticas e territoriais variáveis, que totalizam mais um milhão e meio de euros em apoios.  

De acordo com o secretário executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, “A CIM desde cedo assumiu a cultura como um fator de atratividade e competitividade regional. Atendendo às dificuldades levantadas, no decurso da pandemia COVID-19, vimo-nos na contingência de rapidamente formular novas estratégias de atuação de modo a dar resposta às necessidades dos agentes culturais, das populações e operadores turísticos, foi nesta ótica que a CIM avançou com a candidatura Rede Cultural Viseu Dão Lafões”.

 

Pode ver também

Moimenta da Beira: surto em Lar de Alvite, 29 utentes e 2 colaboradores infetados com Covid-19

A Câmara de Moimenta da Beira confirmou esta quarta-feira, 28 de outubro, que nas últimas …

Comente este artigo