Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Centro de desportos náuticos do Rio Távora inaugurado no domingo em Sernancelhe

Centro de desportos náuticos do Rio Távora inaugurado no domingo em Sernancelhe

O Centro Cultural e Desportos Náuticos do Rio Távora, que custou 244.345 euros, vai ser inaugurado no domingo, na aldeia ribeirinha de Vila da Ponte, no concelho de Sernancelhe.

O Centro Cultural e Desportos Náuticos do Rio Távora, que custou 244.345 euros, vai ser inaugurado no domingo, na aldeia ribeirinha de Vila da Ponte, no concelho de Sernancelhe.

O secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Carlos Miguel, inaugurará o novo equipamento, que contou com um apoio financeiro da União de Europeia de 146.607 euros.

A autarquia explica que, devido à estratégia que tem seguido desde 2010, a Vila da Ponte tem atualmente “um espelho de água que garante as condições para o funcionamento de uma praia fluvial, de uma piscina flutuante (e brevemente um embarcadouro), passadiços, percursos pedestres, espaços de desportos e lúdicos”.

O Centro Cultural e Desportos Náuticos surge assim “como um espaço agregador de toda esta atividade desportiva e cultural, proporcionando condições para acolher atletas, servindo de base às suas operações”, e também como um espaço “aberto à população nas mais diversas ações de caráter social, cultural e desportivo”.

O município realça que tem colocado em prática “uma estratégia de criação de condições que garantam qualidade de vida às populações e contribuam para o fortalecimento das comunidades nas vertentes social, cultural e económica”.

Vários indicadores “confirmam a assertividade das ações e a necessidade de apoios contínuos às dinâmicas prosseguidas nas freguesias, por forma a tornar o concelho mais homogéneo e preparado para enfrentar os desafios colocados pelos novos tempos”, acrescenta.

Foi neste âmbito que se realizaram as obras da ampliação do edifício do Conservatório Regional de Música de Ferreirim, que também serão inauguradas no domingo e tiveram um custo de 83.538 euros (com um financiamento de 35.700 euros da Direção Geral das Autarquias Locais).

“Trata-se de uma associação que prossegue uma missão educativa muito importante no concelho e na região, dando formação musical a cerca de 200 alunos, e que tem atingido grande projeção nacional”, justifica.

 

Pode ver também

Feira da Maçã em Armamar com “mais e melhor” fruta este ano

A Feira da Maçã de Armamar conta este ano com “mais produção” e “melhor qualidade”, …

Comente este artigo