Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / CDS/PP questiona Governo sobre futuro do Centro de Estudos Vitivinícolas do Dão

CDS/PP questiona Governo sobre futuro do Centro de Estudos Vitivinícolas do Dão

O CDS/PP questionou o Governo sobre o futuro do Centro de Estudos Vitivinícolas do Dão, situado em Nelas, por temer que, se não forem tomadas “medidas imediatas”, acabe por desaparecer “um património fundamental para a região”.

Numa pergunta enviada ao Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, os deputados Hélder Amaral, Patrícia Fonseca e Ilda Araújo Novo perguntam se “vai ou não haver vindimas nas vinhas do Centro de Estudos Vitivinícolas do Dão”.

Os deputados querem também saber “qual é a solução – em termos de meios humanos, técnicos e financeiros – que o Governo tem para evitar o fim do centro e proteger um património fundamental para a região”.

Em setembro de 2018, os deputados já tinham questionado o ministro sobre o mesmo assunto. Na altura, a resposta que receberam foi a de que a vindima das vinhas do Centro de Estudos Vitivinícolas do Dão seria “efetuada em função, naturalmente, das condições de maturação das uvas” e que os recursos humanos existentes garantiam “o funcionamento das atividades do centro”.

No entanto, Hélder Amaral, Patrícia Fonseca e Ilda Araújo Novo referem que “chegou ao conhecimento do grupo parlamentar do CDS/PP que, mais uma vez, este ano, não há vindima nas vinhas do Centro de Estudos Vitivinícolas do Dão”.

No seu entender, “é notório o desprezo a que o atual Governo está a votar este baluarte da região, podendo vir a levar à sua morte, caso não sejam tomadas medidas imediatas”.

“Com a sua morte, perde-se também a grande enciclopédia do Dão”, alertam.

 

Pode ver também

Câmara de Sernancelhe organiza “Festa da Castanha” em formato digital

Festa da Castanha de Sernancelhe este ano será em formato digital mas vai manter o …

Comente este artigo