Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Autárquicas: CDU candidata Mário Gandra à Câmara de Nelas

Autárquicas: CDU candidata Mário Gandra à Câmara de Nelas

A CDU candidata à Câmara de Nelas, no distrito de Viseu, Mário Gandra, que disse hoje ser fundamental criar condições para que o concelho se desenvolva.

“A questão fundamental é conseguir criar condições para que o concelho se desenvolva, o que não se consegue sem medidas concretas para a fixação da população”, afirmou à agência Lusa Mário Gandra, de 67 anos, professor do ensino superior, aposentado desde janeiro.

Salientando que o concelho “não é apenas as vilas de Nelas e de Canas de Senhorim”, o candidato observou que “nas próprias freguesias mais rurais, mais interiorizadas, há um conjunto de grandes problemas e o concelho tem de se envolver dando respostas a esses problemas”.

“Um desses problemas é o estado de uma parte do edificado habitacional”, apontou Mário Gandra, para referir a existência de “aldeias envelhecidas, mas onde nasceram jovens”, cujo edificado “está degradado” e onde “muitas pessoas não têm condições para restaurar e modernizar as casas, incluindo do ponto de vista da eficiência energética”.

Realçando a necessidade de resolver este problema, que é do século passado, mas ainda persiste, o cabeça de lista da CDU (coligação que junta PCP e “Os Verdes”) destacou, por outro lado, que o concelho “não é diferente, em grande parte, de muitas terras do Interior e sofre dos males de uma interiorização que não é combatida”.

A este propósito referiu os últimos Censos, cujos resultados preliminares indicam que o concelho perdeu, desde 2011, 6,5% da população, passando a somar 13.124 habitantes.

“Isto dá nota de uma primeira questão que é a da saída de habitantes do território do concelho”, declarou, assinalando que “Nelas foi durante muito tempo um concelho com aspirações a um desenvolvimento e a um crescimento na base de fixação de mais indústria, de um melhor aproveitamento agrícola, na base das atividades do turismo, e tudo isso não se verificou”.

Mário Gandra sustentou que outra das carências do concelho está na rede viária, como a “conclusão do IC [itinerário complementar] 12 que parou em Canas de Senhorim”, para lamentar “aos anos que se fala nisto” e afirmar que esta matéria “levanta a questão da necessidade de coordenação dos vários municípios”.

“Se a regionalização já fosse realidade, este é o paradigma de problema que poderia ser resolvido neste âmbito”, argumentou, para notar, ainda, “o IC 37, que toda a gente reivindica, mas mantém-se sem concretização”.

Acresce “os problemas na rede viária internamente”, com Mário Gandra a defender que “a câmara com todas as freguesas deve atender à melhoria da rede viária, nomeadamente nos caminhos rurais e vicinais”.

Já na ferrovia, o candidato sublinhou a necessidade de “acelerar a modernização da Linha da Beira Alta, extremamente importante para a melhoria das acessibilidades ao concelho e com repercussões não só na movimentação de pessoas e de bens, mas também com a possibilidade de melhor receber as pessoas que venham visitar”.

Neste âmbito, recordou a “reivindicação de um novo apeadeiro em Lapa do Lobo”.

Mário Gandra, nome proposto pelo PCP, reside em Vila Nova de Gaia (distrito do Porto). Viveu durante décadas no concelho de Nelas e no passado foi cabeça de lista à câmara.

“A organização local fez-me esta proposta e eu entendi que era um dever cívico. E começa por ser um dever cívico aceitar, num momento que não é fácil, dar a minha contribuição”, disse.

A Câmara de Nelas é liderada pelo PS, que tem quatro mandatos. O CDS-PP tem dois vereadores e o PS um.

Nas eleições autárquicas de 26 de setembro são também candidatos o atual presidente da câmara, José Borges da Silva (PS), e o vereador Joaquim Amaral (PSD/CDS-PP).

 

Pode ver também

Autárquicas 2021: Patrícia Gaspar esteve em Vila Nova de Paiva

Na tarde desta quinta-feira, 23 de setembro, a dois dias de terminar a campanha eleitoral …

Comente este artigo