Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Almeida Henriques ameaça inaugurar obras de escolas sem convidar o Governo
Almeida Henriques presidente da CM de Viseu

Almeida Henriques ameaça inaugurar obras de escolas sem convidar o Governo

O presidente da Câmara de Viseu vai inaugurar duas escolas que sofreram obras de requalificação de 2,2 milhões de euros (ME) e avisou que não vai convidar o Governo caso este não pague “o que é da sua responsabilidade”.

Até ao momento, todo o investimento está a ser suportado pela Câmara Municipal de Viseu.

A autarquia vai inaugurar as obras de requalificação das escolas Grão Vasco, “no primeiro dia de aulas”, e da Secundária Viriato, “que será inaugurada no segundo dia de aulas” do próximo ano letivo.

Neste sentido, o autarca acrescentou que, “se o Governo se chegar à frente e mandar a contrapartida nacional será convidado, se não mandar a contrapartida, será notificado de que as escolas vão ser inauguradas”.

Almeida Henriques lembrou, que foram enviados “mails e ofícios em 25 de maio de 2017, 13 de junho de 2017, 07 de novembro de 2017, 14 de julho de 2018” ou seja, até ao momento, “foram seis ofícios para o Governo a lembrar as suas obrigações e a necessidade de o Governo transferir a verba”.

A intervenção da Câmara de Viseu nestas obras resultou de um acordo de cooperação com o Ministério da Educação, que é o proprietário das escolas. Ambas são comparticipadas por fundos estruturais do Portugal 2020.

 

Pode ver também

COVID-19: Sernancelhe – 2 Turmas em isolamento

Segundo informações do Município de Sernancelhe, na manhã desta segunda-feira, 19 de outubro, devido a …

Comente este artigo