Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Viseu: 300 mil euros para reforçar e melhorar paragens de autocarros

Viseu: 300 mil euros para reforçar e melhorar paragens de autocarros

A Câmara Municipal de Viseu aprovou esta quinta-feira o avanço da obra de construção ou melhoramento de 53 locais de paragem de autocarro nas zonas urbana e periurbana do concelho.

O investimento – realizado no âmbito do projeto de mobilidade MUV (Mobilidade Urbana de Viseu) – ascende a 300 mil euros e contempla a construção de 25 novas paragens. A obra deverá estar concluída no mês de Fevereiro de 2018.

Melhorar a inserção e a eficiência urbana destes espaços, incrementar a segurança e a acessibilidade dos passageiros e combater o estacionamento ilegal na zona de entrada e saída dos autocarros são os objetivos da intervenção.

Ao todo, o sistema MUV irá integrar cerca de 750 paragens nas diversas linhas urbanas e concelhias. Paralelamente ao investimento que agora será executado, o Município irá ainda promover a construção de novos abrigos, assim como a renovação da imagem e sinalética informativas no contexto da nova realidade para os transportes públicos.

Segundo o Presidente da Câmara Municipal, Almeida Henriques, “damos hoje mais um passo dos vários previstos, no sentido de implementar o novo sistema de mobilidade do concelho de Viseu. Valorizar a utilização dos transportes públicos – a sua eficiência, segurança e conforto –, em detrimento da utilização do carro particular, é um objetivo de qualidade de vida e sustentabilidade que queremos e precisamos de alcançar”.

Na reunião hoje realizada, a Câmara Municipal deliberou ainda a abertura do concurso para a requalificação do edifício do Solar dos Peixotos, sede da Assembleia Municipal e futura sede da Freguesia de Viseu (no piso superior). O investimento ascende a meio milhão de euros.

O projeto de intervenção contempla a reabilitação geral do edifício, a manutenção de valores patrimoniais do edificado (como granitos e gradeamentos exteriores), a reorganização dos espaços e a qualificação do salão nobre da Assembleia Municipal, a recuperação de caixilharias exteriores, paredes e tetos, a execução de sistema de aquecimento para todo o edifício, assim como a colocação de elevador para pessoas com mobilidade reduzida e a adaptação de outros espaços com este fim.

Também hoje a Câmara deliberou aprovar o avanço da 3ª fase de substituição de luminárias públicas de tecnologia convencional para LED. O investimento, na ordem dos 250 mil euros, será realizado no prazo de 3 meses. Prevê-se a substituição de 714 pontos de iluminação pública em quase uma centena de arruamentos no interior da circunvalação.

“Não abrimos mão de continuar a incrementar a eficiência energética no concelho”, declarou Almeida Henriques. “Com este investimento continuado estamos a concretizar quatro objetivos: melhoramos o desempenho da iluminação pública, baixamos significativamente a fatura energética do Município, promovemos uma gestão inteligente e remota da manutenção do sistema e contribuímos ativamente para a redução das emissões de CO2”.

 

Pode ver também

GNR identifica 3 suspeitos de incêndios em Tarouca e Lamego

O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Lamego, no …

Comente este artigo