Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Secretário Geral do PCP, Jerónimo de Sousa em Mangualde

Secretário Geral do PCP, Jerónimo de Sousa em Mangualde

Este domingo 3 junho, pelas 14h30 horas, decorre a XI Assembleia da Organização Regional de Viseu do PCP, no Hotel Senhora do Castelo, com a presença do Secretário Geral do PCP, Jerónimo de Sousa.

De acordo com os Estatutos do PCP, a Assembleia é o «órgão supremo» da organização regional, uma espécie de Congresso Distrital, a quem compete «analisar a actividade realizada, definir a orientação para a actividade futura e eleger a respectiva direcção».

Entre as muitas responsabilidades da XI Assembleia da Organização Regional de Viseu do PCP, cabe-lhe decidir as orientações para continuar o reforço e rejuvenescimento do Partido, melhorar a organização, intervir mais, ter maior influência e construir um PCP mais forte, ao serviço dos trabalhadores e das populações.

No dia 3 de Junho, na XI Assembleia, será eleita também uma nova Direcção Regional, mais conhecedora dos problemas e mais capaz de intervir e dirigir a vida e a actividade do Partido.

A realização generalizada de Assembleias, está, por outro lado, a provocar uma forte dinâmica nas organizações, traduzida em mais recrutamentos, mais recebimento de quotas, a par da entrega do novo cartão do Partido e de medidas de reforço da organização e estruturação, da responsabilização de quadros e de melhoria da intervenção do Partido, com tomadas de posição pública sobre problemas que afectam as populações, nomeadamente em Lamego, Cinfães, Armamar, Viseu, Mangualde, Penalva do Castelo, Nelas, Vouzela, a que corresponde, igualmente, edição de vários Boletins do PCP e da CDU sobre intervenção municipal dos eleitos  e problemas locais.

A actual fase da vida política nacional encerra potencialidades, contradições e limitações que colocam uma enorme exigência à luta dos trabalhadores e à intervenção do Partido, também no Distrito de Viseu, porque a realidade comprova que o PS mantém opções e políticas estruturais que confirmam o seu comprometimento com os interesses do grande capital e com o processo de integração capitalista da União Europeia, continuando a convergir, cada vez de forma mais evidente, com PSD e CDS, em matérias que constituem o núcleo da política de direita.

Ao traçar uma orientação política e avançar um conjunto de propostas para o reforço da organização e a dinamização da luta, no distrito de Viseu, esta Assembleia irá dar um importante contributo para a ruptura com as políticas de direita e para construir a alternativa política patriótica e de esquerda, só possível com o decisivo reforço do PCP e da sua influência.

 

Pode ver também

Tribunal ilibou antigo militar acusado por ter na sua posse material de guerra

O Tribunal ilibou um antigo militar da Força Aérea que estava acusado por ter na …

Comente este artigo