Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Sátão: BE denuncia descargas poluentes da ETAR do Cigarral, Câmara desmente
Jpeg

Sátão: BE denuncia descargas poluentes da ETAR do Cigarral, Câmara desmente

Em comunicado o Bloco de Esquerda de Viseu, denuncia uma vez mais que as câmaras de Sátão e Viseu “lavam as mãos” perante o que consideram “um atentado ambiental” provocado pela ETAR do Cigarral na povoação de Pedrosas concelho de Sátão.

Segundo os Bloquistas, após a descarga da ETAR, as águas da Ribeira de Brufe, que corre já no concelho de Viseu, estão turvas e com um cheiro nauseabundo, impossibilitando segundo o Bloco de esquerda o cultivo agrícola nas margens da ribeira.

Uma visita ao local permitiu constatar que, apesar de diversas denúncias e dos apelos feitos pela junta de Freguesia de Barreiros e Cepões à Agência Portuguesa do Ambiente (APA), à Agência dos Recursos Hídricos (ARH) Centro e à Câmara de Viseu, as entidades competentes nada fezeram para travar a poluição da ribeira.

Perante a denuncia do bloco de Esquerda, o autarca de Satão, já reagiu,

Paulo Santos, salientou à Alive Fm, que a ETAR do Cigarral está a funcionar em plenas condições.

O autarca de Sátão salienta que apesar da ETAR do Cigarral já ter vários anos, está a funcionar normalmente, Paulo Santos, salienta no entanto que após as descargas da ETAR a ribeira tem outros afluentes já no concelho de Viseu.

A câmara de Sátão tem feito periodicamente as análises às águas da ETAR do Cigarral, e até à data segundo o autarca, não há alertas.

Depois da denúncia do Bloco de Esquerda de que a ETAR do Cigarral está a fazer descargas poluentes para a ribeira, a câmara de Sátão já veio publicamente desmentir, referindo que a Estação de Tratamento está a funcionar normalmente e as analises estão dentro dos parâmetros normais.

 

Pode ver também

PSD e CDS acusam PCP de “enviesamento demagógico” e de “agitar fantasmas” sobre museu Salazar

O parlamento condenou a criação de um museu dedicado a Salazar em Santa Comba Dão, …

Comente este artigo