Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / PSD Viseu: Encerramento dos balcões vai provoca impacto negativo nas populações

PSD Viseu: Encerramento dos balcões vai provoca impacto negativo nas populações

Os deputados do PSD eleitos por Viseu questionaram  o Governo sobre o fecho de balcões da Caixa Geral de Depósitos (CGD) no Desterro, Lamego, e em Abraveses, Viseu.

“Por opção do Governo, e ao arrepio do seu discurso e do dos partidos que o suportam, o plano de capitalização e reestruturação da Caixa Geral de Depósitos prevê o encerramento de balcões e a redução de trabalhadores deste banco público”,

Pedro Alves do PSD Viseu diz que o encerramentos dos balcões da CGD provoca um impacto negativo e profundo nas populações como é o caso de Lamego.

Em Abraveses o deputado do PSD Pedro Alves recorda que o encerramento do balcão da CGD não vai afetar só a população da freguesia, mas todas as aldeias circundantes

O deputado Pedro Alves, recorda que no interior o envelhecimento da população é cada vez maior, os sociais-democratas esperam que o governo seja sensível e recue no encerramento do balcão da CGD.

A redução da operação da CGD, incluindo o fecho de 180 balcões em Portugal até 2020, foi acordada entre o Estado português e a Comissão Europeia como contrapartida pela recapitalização do banco público feita em 2017.

O ano passado já tinha fechado 67 balcões, encerramentos que provocaram muita polémica e protestos, sendo o mais conhecido o caso de Almeida. Assim, com o encerramento destes 70 balcões, a CGD terá ainda de fechar mais 43 balcões nos próximos dois anos.

Na lista de possíveis encerramentos de balcões do banco público está o da cidade Lamego e dois na cidade de Viseu, Abraveses e rua Formosa.

 

Pode ver também

Novo bispo de Viseu Padre António Luciano toma posse este domingo

Padre António Luciano atual capelão do Hospital da Guarda, foi nomeado no passado mês de …

Comente este artigo