Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / PS Viseu defende agregação municipal para abastecimento de água

PS Viseu defende agregação municipal para abastecimento de água

O PS de Viseu defende ser urgente encontrar “uma solução organizativa” para o abastecimento de água e saneamento e respetivos investimentos infraestruturais para Viseu e os municípios vizinhos, após a inviabilização do processo de constituição de uma empresa intermunicipal.

Na semana passada, a Câmara de Viseu anunciou que o processo em curso para a constituição da empresa intermunicipal de águas foi cancelado, na sequência da não adesão dos municípios de Mangualde, Nelas e Penalva do Castelo.

Em comunicado, a concelhia do PS reitera que a melhor solução para o abastecimento de água a Viseu e aos municípios vizinhos é a agregação municipal, “preferencialmente com gestão local/regional integral”.

Isto porque, “para além de vantagens técnicas e ambientais, os ganhos de escala e de eficiência são evidentes, refletindo-se em menores custos para os consumidores”.

Por outro lado, “as exigências nacionais e comunitárias para o financiamento das infraestruturas básicas, ainda necessárias nesta área, obrigam a uma solução empresarial”.

A estrutura partidária considera que o presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques (PSD), não teve capacidade de liderança regional no processo de constituição da empresa intermunicipal.

Salienta o PS Viseu que o autarca de Viseu“Assumiu um dirigismo absoluto, não salvaguardando convenientemente os interesses económicos e infraestruturais dos municípios parceiros e das suas populações. Os investimentos previstos em infraestruturas para os concelhos vizinhos eram prova disso, tal como o crescimento imediato e abrupto da tarifa da água na maioria dos municípios vizinhos”, realçam os Socialista de Viseu em comunicado.

Neste âmbito, o PS entende que os municípios devem voltar a sentar-se à mesa, “agora de modo efetivamente participado e articulado entre todos, alcançando compromissos, em prol de interesses particulares e comuns”.

“Os investimentos de cada concelho ao nível do sistema de abastecimento de água e do saneamento de águas residuais devem ser devidamente clarificados. O sistema tarifário tem de ser estabelecido de modo sustentável”, defende.

Como solução para o sistema de abastecimento de água, o PS de Viseu tem defendido “a reabilitação/reconstrução da barragem de Fagilde”, para que tenha maior capacidade, a construção de uma ligação a um sistema de abastecimento complementar (por exemplo, Balsemão ou Trancoso), a ativação de captações subterrâneas suplementares (por exemplo, Fontanheiras, Nelas) e “a implementação de medidas para a eficiência hídrica, incluindo a reutilização de águas residuais tratadas”.

Segundo o PS, “o Governo, através do ministro do Ambiente, já deixou bem claro que, assim que se verifique um entendimento entre os municípios, imediatamente avançarão as obras de reconstrução” da barragem.

 

Pode ver também

A 24 com painéis de alerta para os “perigos e falhas”

A Câmara de Vila Real vai colocar painéis nas entradas da A24 para alertar os …

Comente este artigo