Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Museu do Quartzo celebra hoje 5 anos de existência
quartzo

Museu do Quartzo celebra hoje 5 anos de existência

O Museu do Quartzo celebra hoje 5 anos de existência. O Município de Viseu assinala a data com um programa comemorativo que reúne na cidade três especialistas de renome internacional num ciclo de conferências sob a temática “Do Universo Aos Minerais”.

A data de aniversário do museu, tem lugar a cerimónia comemorativa, à qual presidirá o Presidente da Câmara Municipal, Almeida Henriques, pelas 15H30. Neste ato público será reconhecido o Professor Galopim de Carvalho, célebre especialista na área da Geologia, que concebeu e desenvolveu o programa do Museu do Quartzo, dando nome a um espaço museológico único no mundo.  Também ele marca também presença no evento com uma exposição intitulada “A Luz nos Minerais”, a partir das 16 horas.

Durante a tarde o Coro Mozart de Viseu vai encerrar as comemorações com uma actuação pelas 17h30.

Inaugurado a 30 de abril de 2012, o Museu do Quartzo – Centro de Interpretação Professor Galopim de Carvalho é o único núcleo museológico a nível mundial exclusivamente dedicado a um mineral – o quartzo – , promovendo a proteção, preservação e valorização do património geológico. O espaço emerge no Monte de Santa Luzia, outrora palco de exploração do quartzo entre os anos 60 e 80 do século XX, pela Companhia Portuguesa de Fornos Elétricos de Canas de Senhorim. Enquanto Diretor do Museu Nacional de História Natural da Universidade de Lisboa, Galopim de Carvalho foi o responsável pelo desenvolvimento do projeto de musealização do espaço como local de interesse geológico e mineralógico. Era Presidente da Câmara Municipal Fernando Ruas. A componente arquitetónica esteve a cargo do arquiteto Mário Moutinho.

 

Pode ver também

Cruzamento da EN 16 para EN 229-2

Rio de Moinhos e São Miguel de Vila Boa ganham novo padre

A Diocese de Viseu está em renovação. Vai reorganizar pastoralmente a distribuição dos párocos em …

Comente este artigo