Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Liga de Amigos do Hospital de Viseu lamenta esquecimento do projeto de Radioterapia

Liga de Amigos do Hospital de Viseu lamenta esquecimento do projeto de Radioterapia

A Liga de Amigos e Voluntariado do Centro Hospitalar Tondela Viseu (LAVCHTV) lamentou que o Governo se tenha esquecido do projeto de radioterapia/centro oncológico no Orçamento do Estado para 2019.

Em comunicado, a LAVCHTV refere que está “estupefacta com a decisão do Governo de não inscrever no Orçamento para 2019 qualquer verba” para a instalação do centro nesta unidade hospitalar.

No seu entender, “o novo adiamento para ‘reapreciação’ do projeto de radioterapia/centro oncológico do CHTV” é “mais uma machadada no setor da saúde do interior norte/centro”.

A Liga de Amigos e Voluntariado do Centro Hospitalar Tondela LAVCHTV alerta para “o que de negativo e de sofrimento isso acarreta para os cidadãos utentes e para as péssimas condições de trabalho para os profissionais”.

Em comunicado a liga salienta que “Julgava a sociedade civil da região de Viseu que era desta vez que tinha acabado a ‘novela’ que se arrasta há mais de uma década, com avanços e recuos, por pressão de interesses instalados, lóbis locais, regionais ou nacionais”.

Isto porque, em fevereiro de 2017, o então secretário de Estado da Saúde, Manuel Delgado, garantiu publicamente “o lançamento da obra no decurso desse ano, para a entrada em funcionamento em 2019”.

“Com pompa e circunstância foi colocada, nessa mesma data, no terreno para tal destinado, um placar, informando a população do que ali iria ser implantado”, recorda.

A Liga de Amigos e Voluntariado do Centro Hospitalar Tondela (LAVCHT) vai, junto do primeiro-ministro e da ministra da Saúde, pedir esclarecimento sobre o assunto, considerando que se trata de “uma total falta de palavra e de respeito pela instituição hospitalar, pelos cidadãos da região de Viseu, especialmente dos doentes oncológicos, e que lança na opinião pública a descrença” nos serviços, nos profissionais e no conselho de administração.

A Liga de Amigos e Voluntariado do Centro Hospitalar Tondela diz que “Não pode continuar a pactuar com a forma como são tratados os doentes que fazem sessões de quimioterapia no Hospital de Dia Oncológico, dada a falta de condições e recursos materiais e humanos que lhes (não) são proporcionados”.

 

Pode ver também

Movimento “Chega” de Vila Nova de Paiva exige requalificação urbana

Habitantes ligados ao Movimento “Chega”, criado recentemente, colocaram cartazes frente ao edifício da câmara de …

Comente este artigo