Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Hospital de Viseu: 2º a nível nacional em “bombas de insulina”

Hospital de Viseu: 2º a nível nacional em “bombas de insulina”

Após ter sido reconhecido como Centro de Tratamento de Sistemas de Perfusão Subcutânea Contínua de Insulina (PSCI) pela Direcção-Geral da Saúde em 2014, o Centro Hospitalar Tondela-Viseu regista os ganhos inerentes em qualidade de vida através das chamadas “bombas de insulina” no tratamento da diabetes, tendo ultrapassado, em quatro anos, a centena de colocações deste dispositivo.

Em final de 2018, estão 106 utentes a usufruir deste tipo de terapêutica inovadora, 24 dos quais seguidos na Unidade de Diabetes de Adultos, e os restantes 82 na Consulta de Diabetes da Pediatria.

Para 2019 está prevista a colocação de mais 31 “bombas de insulina”, (podendo este número subir às 43 unidades). 18 das quais são destinadas a utentes com idade inferior ou igual a 18 anos, cumprindo o objetivo nacional de ter todos os utentes nesta faixa etária com acesso a esta terapêutica até final de 2020, acrescendo a este número uma reserva de 8 “bombas” para os estimados novos casos em idade pediátrica.

Serão ainda atribuídas 13 para adultos (de um pull de 100 para adultos a nível nacional, sendo o Centro Hospitalar Tondela Viseu o segundo a ter maior número de bombas).

Haverá ainda 3 equipamentos para substituição das em fim de vida e outra para uma utente grávida, caso necessário.

Acrescentando às já existentes, em 2019, Centro Hospitalar Tondela Vise irá ter 137 utentes com tratamento por bomba de insulina, em linha com as técnicas mais inovadoras no domínio da Diabetologia no Hospital.

 

Pode ver também

Viseu na “mira” da Unidade de Ação Fiscal na sequência da operação “Ouro Verde”

Quatro pessoas foram detidas na terça-feira por crimes de fraude fiscal no valor de cinco …

Comente este artigo