Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / GNR detém homem e recupera material furtado em Oliveira de Frades e Vouzela

GNR detém homem e recupera material furtado em Oliveira de Frades e Vouzela

A GNR de Viseu deteve um homem de 45 anos, na quarta-feira, em Aveiro, por posse ilegal de armas e que também recuperou material furtado, em junho de 2019, nos concelhos de Oliveira de Frades e de Vouzela.

Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Viseu, recuperou ontem [quarta-feira], dia 3 de junho, diverso material furtado de residências e estabelecimentos comerciais e deteve um homem de 45 anos por posse ilegal de armas, em Aveiro”, sintetiza um comunicado da GNR.

O documento revela que realizou dois mandados de busca, “no âmbito de diligências de investigação que decorriam desde junho de 2019, por vários crimes de furto ocorridos nos concelhos de Oliveira de Frades e Vouzela”.

No cumprimento dos dois mandatos, um domiciliário e outro em veículo, a GNR apreendeu duas espingardas, uma arma transformada para 6.35 mm, duas armas de ar comprimido e 250 cartuchos e munições de vários calibres.

Segundo o documento, foram também apreendidos dois motociclos, quatro motorroçadoras, um trator agrícola, uma capinadora, eletrodomésticos, material informático e diversas ferramentas.

A GNR esclarece que “as buscas recaíram sobre este indivíduo, agora detido em Aveiro, suspeito de recetação do material furtado”, desde 2019, nos concelhos de Oliveira de Frades e Vouzela, no distrito de Viseu.

A estas buscas, explica o documento, “somam-se outras dez domiciliárias e cinco não domiciliárias realizadas em 2019 e 2020, no âmbito do mesmo processo e de onde resultou já a constituição de nove arguidos e a identificação de um suspeito menor de idade”.

A GNR adianta que o detido de 45 anos foi constituído arguido e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Aveiro.

 

Pode ver também

PJ fez buscas na Câmara de São Pedro do Sul por causa de contratos públicos

A Polícia Judiciária (PJ) fez buscas na Câmara de São Pedro do Sul relativas a …

Comente este artigo