Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Desporto / Belenenses VS Tondela: “Escrevam: Nós vamos ganhar o jogo!” e assim foi…

Belenenses VS Tondela: “Escrevam: Nós vamos ganhar o jogo!” e assim foi…

Lembra-se da polémica entre os clubes Tondela e Belenenses para o jogo desta último domingo? Em causa estava o pedido de adio da partida pelos ‘auriverdes’ devido às dificuldades não só emocionais como técnicas em treinar nos últimos dias por causa dos incêndios que assolaram o concelho. Contudo, o Belenenses rejeitou o pedido e o Tondela acabou por cortar as suas relações institucionais com o clube pela “falta de solidariedade, sensibilidade e de bom senso”.

Na antevisão emocionada do jogo, que acabou por não ser adiado, o treinador do Tondela tinha prometido uma vitória sobre o Belenenses.

E o desejo concretizou-se. O Tondela conquistou este Domingo a segunda vitória na edição 2017/18 da I Liga Portuguesa de Futebol, depois de quatro jogos sem ganhar, ao bater em casa o Belenenses por 2-0, em encontro da nona jornada.

Com uma enorme revolta, Pepa referiu que dentro de campo não seriam 11 a representar uma região afectada… seriam muitos.

O treinador lembrou que o terror vivido nos últimos dias pelos tondelenses não iria afectar a motivação de querer vencer dentro de campo.

Pepa, num discurso pujante, lamentou que haja quem coloque o futebol acima de vidas humanas.

Hélder Tavares e Murilo marcaram os dois golos da partida e o Tondela subiu, provisoriamente, ao 12.º lugar, com nove pontos, enquanto o Belenenses manteve-se no oitavo, com 13. Sábado o Tondela vai defrontar o Marítimo no Funchal.

Num comunicado enviado pela direcção do clube, depois da vitória, pode ler-se que “muito haveria para falar e contar duma semana atípica que terminou com um jogo da Liga NOS a realizar-se no meio dum concelho e duma região pintados de negro. Quiseram uns que assim fosse, quis o destino que o Tondela vencesse e que esta fosse assim dedicada a todos quantos sofreram directa ou indirectamente com os incêndios. De um jogo triste, de luto, de protesto, emergiu o profissionalismo da turma auriverde que venceu com classe, com brio, com revolta. Revolta personificada em Hélder Tavares que abriu a contagem com um golo de cabeça e consumada com um tiraço de Murilo a fechar o placard. A vitória dá-nos três pontos, mas deu-nos muito mais do que isso. Deu-nos mais uma vez a lição de que não há preço para a humildade”.

Peça de Maria Sousa/AliveFm.

Notícia relacionada:

Depois da polémica… receitas jogo Tondela/Belenenses revertem para conta solidária

 

Pode ver também

GNR identifica 3 suspeitos de incêndios em Tarouca e Lamego

O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Lamego, no …

Comente este artigo