Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / 70 trabalhadores da CoverCar em risco de despedimento denuncia BE

70 trabalhadores da CoverCar em risco de despedimento denuncia BE

Cerca de 70 trabalhadores da Covercar empresa de fabrico de componentes têxteis para automóveis sediada em Canas de Senhorim, Nelas, estão em risco de despedimento.

Ao Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda de Viseu, chegaram denúncias, que a empresa Covercar irá colocar em prática um programa de não renovação dos contratos a prazo, medida que poderá atingir 70 dos 100 trabalhadores da empresa.

A Covercar inaugurou o ano passado as novas instalações em Canas de Senhorim, segundo Diego Garcia do BE, a empresa tem vindo a diminuir e a deslocalizar a produção.

A fábrica, localizada na Zona Industrial de Nelas, foi inaugurada, em maio de 2017, pelo Ministro Pedro Marques e pelo presidente da Câmara Municipal de Nelas, Borges da Silva, a autarquia segundo Diego Garcia, deu um incentivo de 500 mil euros, para a melhoria das infraestruturas, com vista à instalação da empresa e à criação de mais postos de trabalho.

O BE já questionou o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, os Bloquistas pretendem saber quais as medidas que o governo vai tomar para proteger os trabalhadores.

Cerca de 70 trabalhadores da empresa Covercar de Canas de Senhorim estão em risco de despedimento, a denúncia foi feita pelo Bloco de Esquerda de Viseu.

Perguntas ao Min. do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

1. O Governo está a acompanhar a situação da Covercar, Lda e, mais concretamente, da fábrica localizada em Canas de Senhorim?

2. Que medidas está o Governo a tomar, ou pensa vir a tomar, de modo a apurar como foram aplicados apoios facultados à empresa?

3. Que medidas está o Governo disposto a encetar com vista a impedir a deslocalização daempresa para uma unidade e a garantir a manutenção de cerca de 70 postos de trabalho?

4. Tem conhecimento de alguma ação inspetiva realizada pela ACT (Autoridade para asCondições de Trabalho? Quais foram os resultados dessa ação inspetiva? Foi verificada o recurso abusivo à contratação a termo por parte desta empresa?

 

Pode ver também

Prisão preventiva para o jovem que matou ex namorado

O jovem que matou o ex-namorado à facada no Porto confessou o crime e foi …

Comente este artigo