Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / BE: Centro Social Elisa Barros “desespera” por alargamento do acordo com a Segurança Social

BE: Centro Social Elisa Barros “desespera” por alargamento do acordo com a Segurança Social

O Bloco de Esquerda de Carregal do Sal está preocupado com os atrasos no alargamento do acordo entre a creche de Centro Social Elisa Barros de Cabanas de Viriato em Carregal do Sal e a Segurança Social.

Segundo o BE, a Creche do Centro Social Professora Elisa Barros, foi construída no âmbito do “Programa PARES II” para ter uma capacidade de 66 crianças, mas iniciou o funcionamento a 28 de Outubro de 2016 com um acordo de cooperação com a Segurança Social para 24 crianças.

No ano letivo de 2017, o Centro Social solicitou o alargamento para 38 crianças. Em resposta ao ofício, o Centro Distrital de Viseu da Segurança Social, referiu que as propostas de alargamento do acordo de cooperação, deviam ser feitas no arranque de cada ano letivo e que competia aos serviços centrais a sua autorização.

Em Julho de 2018, o Centro Social solicitou novamente o alargamento do acordo, já que frequentaram a creche no ano letivo de 2017/2018, 58 crianças, das quais só 24 estiveram abrangidas pelo acordo, alertando os serviços da Segurança Social, para a sustentabilidade financeira da creche se esta situação não fosse alterada.

Em resposta de Agosto de 2018, o Centro Distrital de Viseu aceitou o pedido de alargamento do acordo, remetendo-o aos serviços centrais da Segurança Social e logo que este seja deferido dariam conta do enquadramento a realizar.

Neste momento, segundo o BE de Carregal do Sal, o Centro Social, ainda aguarda pelo deferimento do pedido de alargamento do acordo de cooperação com um total de 47 crianças e 7 pré-inscrições de entrada até Dezembro de 2018, o acordo de cooperação ainda só abrange 24 crianças, ao mesmo tempo que passa pelos constrangimentos financeiros que resultam da manutenção de um bom serviço para as crianças.

O Bloco de Esquerda de Carregal do Sal mostra preocupação e vai questionar as autoridades competentes sobre esta situação, já que a gravidade da situação, segundo o BE, pode colocar em causa o bom funcionamento da instituição que recebe 54 crianças, sendo que atualmente só 24 têm acordo de cooperação.

 

Pode ver também

B.E. denuncia más práticas do Canil de Sátão, câmara desmente

O Grupo de Trabalho do Distrito de Viseu do Bloco de Esquerda para a Defesa …

Comente este artigo