Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Conteúdo Patrocinado / Como foi o ano de 2020 nas atividades de jogo online em Portugal?

Como foi o ano de 2020 nas atividades de jogo online em Portugal?

Apesar de ainda faltarem os números relativos ao quarto e último trimestre de 2020, o que emana dos registos do Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos (SRIJ), entidade que supervisiona e regula a atividade de jogo online em Portugal, podia ser sintetizado numa única palavra: crescimento.

Feitas as contas aos primeiros nove meses do ano passado, o volume de apostas desportivas e em jogos de fortuna ou azar online ascende a 3,97 mil milhões de euros. Na prática, isto significa que, em comparação com o período homólogo de 2019, o volume de apostas sofreu um crescimento na ordem dos 1,5 mil milhões de euros em 2020.

Se analisarmos categoria a categoria, percebe-se que o grosso deste valor encontra-se nos jogos online de fortuna ou azar com um total agregado que se situa nos 3,5 mil milhões de euros, mais 68,9% do que no período homólogo de 2019, altura em que esta categoria se “ficou” pelos 2 mil milhões de euros.

Já no lado das apostas desportivas online, categoria que viu alguns dos seus eventos adiados ou cancelados durante o primeiro semestre de 2020, os números são mais comedidos, mais ainda assim de assinalar.

Entre janeiro e setembro do ano passado, as apostas desportivas à cota registaram um volume total de 462,7 milhões de euros, mais 105,4 milhões de euros do que em igual período de 2019.

Receitas geradas pelo jogo online ultrapassam os 200 milhões de euros

Se o volume de apostas na atividade jogo online nos contam uma história de recordes, as receitas brutas geradas pelo setor não ficam atrás.

Nos primeiros nove meses de 2020, a receita bruta combinada proveniente das apostas desportivas e jogos de fortuna ou azar online registou 223,1 milhões de euros (valor de lucro, ou seja, com os montantes distribuídos em prémios ao total das apostas), mais 76,3 milhões de euros do que em igual período de 2019.

Focando-nos apenas nos resultados alcançados pelas duas categorias no 3º trimestre do ano passado, verifica-se que enquanto a atividade de jogos e apostas online gerou cerca de 84,2 milhões de euros em receita bruta, valor superior em 30,1 milhões (55,7%) quando em comparação ao período homólogo de 2019, e superior em 15,5 milhões em relação ao trimestre anterior.

Número de apostadores online bate recordes

De janeiro a setembro do ano passado, o relatório do SRIJ apurou um total de 1 milhão e 332 mil apostadores naquilo que representou um aumento de 363 mil apostadores em relação ao período homólogo de 2019.

Se nos detivermos apenas nos dados do 3º trimestre de 2020, verifica-se que 473,2 mil pessoas realizaram pelo menos uma aposta em jogos de fortuna ou azar ou apostas desportivas à cota em contraponto com os 354,1 mil que o fizeram no ano transato.

Destas mais de quatro centenas de milhares de apostadores, 44,7% realizaram as suas apostas exclusivamente em apostas desportivas, 33,4% exclusivamente em jogos de fortuna ou azar e 20% tiveram prática de jogo/aposta online nas duas categorias.

Como não podia deixar de ser, entre esta número de apostadores que representam mais de 10% da população portuguesa, encontram-se numerosos novatos nas andanças do jogo online, mais concretamente 444,5 mil novos apostadores.

Estes números acabam por significar que, quando se compara o total acumulado dos primeiros nove meses de 2019 e 2020, verifica-se que no ano passado existiram mais 68,1 mil novos apostadores do que no ano anterior.

O crescimento do número de portugueses com acesso à Internet, o advento de Apps de apostas facilmente acessíveis através de um qualquer dispositivo móvel, a componente “ganhos extra”, o simples desejo de um momento de lazer e os bónus que muitas casas de apostas e portais especializados dão a quem se inicia na arte das apostas online, são alguns dos fatores que concorrem para o crescimento desta área.

Sites como o ApostasOnline.pt são um exemplo disso mesmo. Este portal condensa toda a informação necessária a quem se está a iniciar nas apostas desportivas online, oferece bónus para a fomentar a experimentação e ainda faz a análise das maiores casas de apostas, assumindo-se como um dos melhores sites de análise de apostas online em Portugal.

Com o setor em alta, quem acaba por ganhar, ainda que indiretamente, é o Estado. Só no 3º trimestre de 2020, o valor total do Imposto Especial de Jogo Online (IEJO) atingiu os 28,3 milhões, mais 6,8 milhões (+31,7%) do que o apurado entre junho e setembro de 2019.

 

Comente este artigo