Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / Viseense ajuda Homem a ser bem recebido no Planeta Marte
Robot1

Viseense ajuda Homem a ser bem recebido no Planeta Marte

Tem 22 anos, é de Viseu, mas está quase a fazer história no mundo da robótica.

Henrique Ferrolho anda à “boleia” de uma robot chamada “Valkyrie” que pretende ser o passaporte de entrada do homem em Marte.

Aluno da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto decidiu aventurar-se em terras escocesas, ao abrigo do programa ERASMUS+. E foi aqui que o convite surgiu para desenvolver o software da robot humanóide.

O jovem programador garante que não estava à espera do convite, mas acredita que o trabalho que desenvolveu ao longo da cadeira de robótica foi a chave para esta nova porta se abrir.

“Valkyrie”, da NASA, pesa 136 quilos, mede 1 metro e 80 centímetros, custa quase 2 milhões de dólares e só há quatro no mundo.

A invenção robótica está ainda a largos passos da sua conclusão. A previsão ronda os anos existentes entre 2020 e 2030, mas… Henrique Ferrolho acha que é uma visão muito optimista. “Valkyrie” quer preparar todo o terreno, infra-estruturas e condições à chegada do ser humano a Marte.

Orgulhoso em fazer parte de um projecto como este, apesar das dificuldades e dos percalços que estão sempre a surgir garante acordar todos os dias com vontade de fazer o projecto acontecer.

Agora numa breve pausa em Portugal, e envolto dos mimos dos amigos e da família, está focado em escrever a tese de mestrado. Em Setembro, e durante 4 anos, estará de regresso a Edimburgo para começar o doutoramento e claro, continuar a ensinar a “Valkyrie” a caminhar.

Peça de Maria Sousa/AliveFm

 

Pode ver também

fogos

Viseu continua a ser um dos distritos mais fustigados pelos incêndios florestais

A autoridade Nacional de Proteção Civil fez ontem um novo balanço, desde o início do …

Comente este artigo