Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / SOS Rio Paiva lamenta deficiente fiscalização

SOS Rio Paiva lamenta deficiente fiscalização

A Associação S.O.S Rio Paiva está preocupada com a deficiente fiscalização das descargas poluentes que afectam o rio.

Sérgio Caetano, Presidente da Associação, diz reconhecer o trabalho das entidades fiscalizadoras (GNR e autarquias) mas lamenta que a fiscalização do cumprimento das normas de funcionamento das Estações de Tratamento de Águas Residuais esteja muito longe da realidade no terreno.

Desconfiada e preocupada pelo facto dos resultados das análises aos efluentes de algumas ETAR do vale do Paiva não corresponderem à realidade, há situações que foram devidamente documentadas e denunciadas às autoridades, mas quando estas chegaram ao local a ETAR já se encontrava a funcionar normalmente.

Sérgio Caetano alerta que o Rio Paiva passa por dois distritos, o de Aveiro e Viseu, situação que dificulta a tarefa de determinar quem tem o dever de supervisionar o território.

A associação decidiu assim promover uma petição intitulada “Fim das descargas poluentes no Rio Paiva” para levar o problema a discussão na Assembleia da República.

O Rio Paiva é um dos mais bem conservados rios da Europa e actualmente um destino de eleição para os amantes do turismo de Natureza. Nos últimos anos tem sido alvo de crimes ambientais graves.

 

Pode ver também

Moto Clube de Mangualde inaugurou albergue para peregrinos

A partir de agora os peregrinos de todo o país que se desloquem em peregrinação …

Comente este artigo