Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home / Notícias / “Realidade omitida nas urgências hospitalares”

“Realidade omitida nas urgências hospitalares”

A Ordem dos Médicos do Centro afirma que os titulares do Ministério da Saúde desconhecem a realidade das urgências hospitalares.

Carlos Cortes, Presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, diz que os responsáveis do Ministério da Saúde omitem constantemente a realidade das urgências quando afirmam, enganosamente, que não existiram nem existem dificuldades nos serviços de urgência hospitalar nem tempo de espera excessivo após a triagem. Para Carlos Cortes estas declarações são insultuosas face ao trabalho e dedicação dos profissionais e do tempo de espera a que os doentes se sujeitaram.

O Presidente  lamenta que o Ministério não reconheça que o pico da gripe provocou o caos nas urgências e que haja situações complicada em várias unidades da região centro.

Para Carlos Cortes os responsáveis da tutela da Saúde deviam visitar os serviços de urgência sem anúncio prévio para perceberem a dimensão real de um problema que acontece todos os anos.

A Ordem dos Médicos do Centro diz que “o primeiro passo para resolver o problema é reconhecê-lo. Negar o que acontece nas Urgências é preocupante e demonstra o total desconhecimento do Ministério da Saúde sobre esta questão”.

 

Pode ver também

Homem morreu em acidente com trator

Um homem de 55 anos morreu hoje num acidente com um trator agrícola no concelho …

Comente este artigo